Déja-vù? Ou saí do corpo?


Você provavelmente já deve ter sonhado alguma vez com certo evento e numa outra oportunidade você continua a sonhar o conteúdo do sonho anterior.

No meu caso foi um pouco diferente. Duas madrugadas atrás, sonhei que estava a me trocar no quarto quando fui avisada que tinha visitas em minha casa. Demorei a escolher a roupa e fui dar uma espiada pela porta para ver quem elas eram. Naquele momento vi três pessoas, um moço branco, um moreno e uma mocinha que devia ter uns 18 anos. Imediatamente eu os reconheci como meus amigos e tratei de colocar uma roupa rapidinho.

Quando fui a cozinha, estavam a mesa, comendo e o moço moreno seguiu em minha direção dando-me um abraço apertado dizendo que estava com saudades e que passava aqui por perto de casa e decidiu me ver para aproveitar e fazer um convite a uma festa.

Eu agradeci e disse que estava a esperar o meu noivo que somente iria com ele. O mais interessante que acordei “recordando-me” de onde os conheci. Não sei se foi sonho mesmo, só sei que eu os já conhecia de outros momentos.

Lembrei-me de “como os conheci”.

A lembrança é do rapaz moreno, muito educado se aproximou como se já tivesse ouvido falar de mim. Se apresentou, dizendo seu nome (tenho #odio por não lembrar nomes), disse que já tinha ouvido falar muito bem de mim e que gostaria muito de me conhecer pessoalmente. Fiquei feliz e me senti “importante”. Em seguida o moço branco se aproximou e disse que era um prazer em conhecer-me super simpatico e ficamos ali, os três “conversando” como se já fossemos intimos. Em seguida, já estavámos numa festa e uma moça se aproximou, abraçou o rapaz branco e ele apresentou-a como sua namorada. Era a moça com aparencia de 18 anos. Então da festa que me lembre, fomos para um lugar todo verde, como uma mata e aí fomos passeando por vários lugares.

O mais estranho é me lembrar disso com detalhes e ainda mais depois que sonhei com eles há duas madrugas aqui na minha casa.

A sensação é estranha. Como se já tivesse vivido isso com eles e ao mesmo tempo não sei se é minha imaginação ou se realmente sai do corpo através de um projeção e fiz amigos “astrais”.

A mente humana realmente é um misterio. Quem sabe um dia sonhe com eles e consiga perguntar em qual plano nos conhecemos.

Publicado por

Camila Moreira

Mulher, ama o conhecimento, o saber e a natureza. Formada em química, massoterapia e seu novo encontro com o Sagrado através da aromaterapia. Uma apaixonada pelas terapias alternativas e complementares e bem como pelas "logias" da vida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s