A VERDADEIRA HISTÓRIA DO NATAL – Mensagem de Mãe Maria


A VERDADEIRA HISTÓRIA DO NATAL
Mãe Maria através de Judith Coates
Dezembro de 2010

Imagem: novotempo.org.br

Abençoados, filhos do Altíssimo, eu os saúdo com amor, pois isto é verdadeiramente quem vocês são e o que são. Eu sou aquela conhecida como Maria, a mãe de Cristo, e eu sou – e vocês são, também.

Nesta época do ano vocês estão celebrando o nascimento do Cristo. Vocês têm um dia reservado como um dia sagrado para lembrar o Cristo e se darem outros presentes, que são como um símbolo do seu amor. Vocês não têm que tornar este dia festivo estressante, imaginando o que comprar, qual seria o presente perfeito para dar a um amado, a um amigo, a um companheiro, porque verdadeiramente já com a sua amizade, vocês estão dando o presente mais maravilhoso, o presente do amor, o presente que diz: “Eu o valorizo. Eu sei aquilo que você é. Eu sei o amor que você é.”

E assim vocês escolhem um simples presente, ou um extravagante se quiserem, e vocês o dão com todo o seu amor ao companheiro, ao amigo, ao conhecido, ao colega de trabalho, ao cônjuge. Vocês dão com ele o seu amor e o seu reconhecimento que vocês sabem o Cristo que eles são.

Eu gostaria de falar com vocês agora sobre a verdadeira história do Natal. Vocês têm a história que é famosa de minha viagem à Belém com o meu marido, José, e como o bebê Yeshua nasceu em um estábulo. Foi onde os animais eram alojados, mas não era o que vocês chamariam de uma caverna rudimentar, e ela não era fria. Ela era muito calorosa e hospitaleira. Os animais em sua inocência e simplicidade deram muito amor, e era realmente um local sagrado.

Quando tínhamos nos aproximado de Belém, eu sabia que o momento tinha chegado para o nascimento da criança, e perguntamos em uma estalagem se poderíamos lá permanecer. Mas o estalajadeiro e a sua esposa sabiam que a estalagem com toda a sua alegria ruidosa não era o local para o nascimento, assim eles sugeriram que fôssemos atrás da pousada, para o estábulo que eles já tinham preparado para nós. Assim, vocês têm a história do Natal como ela lhes é relatada em suas Escrituras Sagradas, e é basicamente o que aconteceu. É também uma história com simbolismo e pode ser interpretada em muitos níveis.

Mas eu gostaria de falar com vocês agora sobre o verdadeiro nascimento do Cristo, a verdadeira história do Natal, pois isto aconteceu até antes que o tempo se iniciasse. Aconteceu quando havia um Pensamento na mente do que vocês chamam de Deus, quando havia um Pensamento para criar, para expressar a Luz.

Este foi o primeiro nascimento do Cristo, e vocês estavam lá, pois vocês estiveram muitas vezes no nascimento do Cristo, como vocês estiveram nesta vida no nascimento do seu próprio Cristo, quando tiveram um momento de “Ah!Eu devo ser mais do que pensava que fosse. Eu devo ser até mais do que os meus irmãos, a família, os amigos, mais até do que me disseram que eu sou.”

Vocês tiveram um momento de revelação, um momento da lembrança do Cristo vindo para mudar o modo como encaravam as situações e os relacionamentos, um momento do nascimento do Cristo. Isto não acontece apenas em um dia do ano. Isto pode acontecer a qualquer momento, em qualquer lugar e com qualquer pessoa ou sem qualquer outra pessoa.

É neste momento quando vocês compreendem – vocês se conscientizam – de que vocês são o Cristo que chega a esta realidade para viver esta Luz, de modo que todos os homens e mulheres possam ver aquilo que vocês são e aquilo que eles são, de modo que eles possam ver o que foi chamado de aura que surge quando vocês estão felizes, alegres; quando estão em um local onde são exaltados e vão além do que o mundo diz que tem que ser a experiência humana.

Assim, vocês definiram um dia a cada ano como uma oportunidade para recordar o Cristo; não apenas o meu filho, Yeshua, que foi e é o Cristo, que viveu uma vida humana, de modo que ele pudesse viver entre vocês como um ser pequenino e mais tarde como um homem, de modo que ele pudesse compartilhar com vocês as revelações e o conhecimento de como vocês são importantes, ainda que o mundo não reconheça isto.

Vocês reservam um dia a cada ano, de modo que tenham uma oportunidade para se lembrarem do amor, para se lembrarem de como são amados, como quando crianças vocês sempre caminham na superfície da nossa sagrada Mãe, a Terra. Porque não importa o quanto cresçam e quantos anos conquistem para si mesmos, vocês são sempre esta pequena e inocente criança; a pequena criança que não sabe e não compreende o modo do mundo.

E isto é por que de vez em quando vocês são derrubados pelo mundo, porque não faz sentido que aqueles poderiam ser como vocês os percebem – talvez difíceis, não amados, até ríspidos no que eles lhes diriam – porque você é o próprio amor. Vocês são crianças inocentes, sagradas. Vocês querem ser amados, e querem dar amor e o querem dar livremente, inocentemente, sem limitação.

E, ainda assim, o mundo, nesta realidade que acredita na dualidade, o bom e o não tão bom, lhes ensinou a sentir que poderiam ser inferiores ao Cristo, vivendo na superfície de nossa sagrada Mãe, a Terra. E assim há momentos em que vocês se sentem desapontados com vocês mesmos e com os outros, e imaginam como isto poderia ser.

“Se eu sou – e vocês são – o Cristo vivendo na superfície da Terra, como posso ter sentimentos negativos? Como posso me julgar e aos outros?” É parte do que foi chamado de condição humana, e, entretanto, a razão pela qual vocês vieram é mostrar que não é Real – “R” maiúsculo. É real – “r” minúsculo – nesta realidade, porque esta realidade diz: “Bem, você tem todos os tipos de oportunidades, e algumas delas serão boas e algumas não serão tão boas.”

Mas na verdade, cada oportunidade que lhes surge, traz uma dádiva com ela; uma dádiva de percebê-la de modo diferente e se perceberem como o doador do presente, porque vocês manifestam tudo. Não há verdadeiramente ninguém mais vivendo a sua vida em seu mundo, exceto vocês e vocês são a Criança divina e sagrada, manifestando-se, expressando-se, experienciando e então, julgando.

Mas o julgamento não é verdadeiro. Não é o julgamento justo. É o julgamento que vocês fizeram ao longo do tempo nesta realidade que não poderia haver nada além do amor. Quando isto surge a sua frente – como o meu filho lhes disse muitas, muitas vezes – respirem profundamente, recuem disto tão logo percebam que poderiam estar em um espaço que não pareça muito adequado, tomem uma respiração profunda e recuem disto e perguntem: “Como eu posso perceber isto de modo diferente? Certamente há outro modo de perceber isto.”

E se vocês tiverem que literalmente mudar de atitude, de modo que tenham uma perspectiva diferente de algo, ainda que tenham que sair por aí andando em círculos, isto está bem, porque vocês querem uma mudança de perspectiva. Vocês querem saber: “Como eu posso perceber isto de forma diferente, porque eu sei, em um nível muito profundo, que tem que haver uma dádiva nisto; caso contrário, eu não o estaria manifestando. Eu sou a extensão do Ser criativo e eu estou criando isto, então, certamente, tem que haver algo de bom nisto, e eu quero ver isto.”

E assim vocês dão uma respiração profunda e recuam do problema e pedem para ver a grande cena; ver – como o meu filho lhes disse muitas vezes – o todo, toda a cena; não apenas a parte dela que está bem diante de sua face.

Há muitas realidades dentro da expressão do Ser criativo. Esta não é a única realidade. Esta é uma das realidades mais difíceis, e é por isto que o meu filho os chama de mestres, porque somente um mestre é que escolheria vir mais uma vez a uma realidade que poderia acreditar apenas na divindade. E sempre que a realidade que é criada se esqueceu de sua divindade, há sempre um Messias que se oferece para vir e nascer novamente como o Cristo, nascendo novamente na realidade como um mostrador do caminho.

Nesta realidade vocês têm muitos professores. Através dos tempos vocês têm muitos professores, mestres ascensionados, como vocês os chamaram, e muitos professores, professores que até vivem entre vocês; amigos que são os seus professores.

E em todas as realidades há sempre um Messias que chega. Muitas vezes o nascimento do Messias é comemorado como um dia especial. Novamente, com uma oportunidade para aqueles, pois eles celebram o nascimento do Messias para recordarem que eles são o Messias, também; que eles vieram da mesma Fonte.

Assim, através do que vocês percebem como eras do tempo, tem havido muitos Messias, Messias diferentes que foram aclamados como sábios que vieram lhes mostrar mais uma vez que o corpo não os contém. Vocês usam o corpo para andar, se expressar, ir aos lugares, para expressar a divindade, mas vocês não são o corpo. E vocês não são a personalidade.

Não importa como vocês tentem moldar a personalidade, de modo que sejam amados – esta é a motivação subjacente – vocês não são a personalidade. Vocês são o espírito que ativa o corpo. Vocês são o espírito que está sempre querendo voltar ao Lar novamente, compreender o verdadeiro ser que vocês são e viver com Leveza, viver levemente neste mundo.

No dia em que vocês reservaram como um dia santo, permitam-se pela manhã, logo quando abrirem os olhos – não pensarem no que têm que fazer neste dia. Não tenham que pensar primeiro em: “Que refeição eu irei preparar? Que presentes ainda tenho que embrulhar? Onde tenho que ir?” Reservem os primeiros minutos desta manhã para agradecer ao Espírito Santo de vocês, a criança Crística inocente de vocês, por lhes permitir vir a esta experiência para jogarem neste quadrado de areia.

Permitam-se sentir a divindade do Cristo. Vocês estão nascendo, o Cristo de vocês, na lembrança novamente do Dia de Natal que vocês reservaram como um dia santo. E então um dia após as festas, quando despertarem pela manhã, lembrem-se quem vocês são. Lembrem-se… “Oh, é o meu aniversário novamente.” E vocês podem ter 365 dias e a cada quatro anos, 366 dias de nascimento.

E se permitam se sentirem alegres. Permitam-se seguir alegremente no dia sagrado e então cada dia após este. Fará uma diferença em como vocês percebem o mundo. Fará uma diferença no modo como outros os percebem. Se eles os perceberem como vivendo alegremente, isto os encorajará a olharem em seu coração e trilhar o caminho da luz. Porque o que vocês verdadeiramente são, mesmo com a forma física, é a energia da luz aglutinada em uma forma.

No início, antes que houvesse o tempo, houve o nascimento do Cristo com o Pensamento – ‘P” maiúsculo – que estava fora do tempo, fora até do que vocês compreendem como criação; o Pensamento de vir e expressar a Luz, este Pensamento.

A Luz é usada como um símbolo. É uma propriedade física, de modo que eu falo aos outros, em outras realidades e em outras dimensões que não conhecem o mundo físico, o exemplo da Luz não é usado. Mas para vocês nesta realidade, a Luz é compreendida como a divindade no mundo físico.

No início, antes que houvesse o pensamento, havia o Cristo – o Princípio criativo, como o chamarei; o Pensamento para prosseguir, nunca terminando. Vocês irão ao tempo passado quando o propósito do tempo foi cumprido – e ele será cumprido, dentro do tempo – vocês se perceberão ainda sendo. Haverá uma liberdade, uma alegria, uma verdadeira celebração de alegria; não a alegria física, mas a alegria do espírito que sabe apenas Ser, explorar, experienciar, expressar-se em todas as formas do Princípio criativo.

Neste ano, permitam-se viver na simplicidade. Passem os seus dias com simplicidade e alegria. Saibam que verdadeiramente a dádiva que vocês mais estimam é a dádiva do amor, e saibam que a dádiva que todos mais estimam, é a dádiva de ser amado. Não importa que vocês tenham os presentes mais caros para dar. O que importa é como vocês dão o presente. O que importa é que vocês estão dispostos a dar.

Saibam que vocês estão dando à Luz o Cristo, a cada vez que se lembram do amor; pois vocês se permitiram durante as existências em ser os pais, trazerem o recém-nascido, segurar este bebê em seus braços e olhar nos olhos daquele, com inocência e amor. Vocês já se perguntaram: “Agora, o que eu faço?”Ame-os. Estime-os. Agradeçam-lhes por estarem em sua vida. Vocês podem fazer isto com os seus próprios filhos. Podem fazer isto com o filho de qualquer pessoa. Podem fazê-lo com o Menino Jesus de vocês.

A verdadeira história do Natal, do nascimento de Cristo, aconteceu antes do que se pensara, e isto acontece em muitas realidades que se esqueceram de sua divindade. Nem todas as realidades se esqueceram de sua divindade, mas para aquelas que o fizeram, nós viemos, vocês vêm para lembrar aqueles da natureza Crística que expressa e experiencia todas as realidades.

Assim, amem, vivam, dêem à Luz ao Cristo, conscientemente, com simplicidade e alegria, como foi feito antes do início do tempo e como eu fiz no estábulo, atrás da estalagem. Sempre que quiserem conhecer o amor, invoquem-me. Eu os tenho amado com um amor eterno, pois vocês têm sido os meus filhos. Vocês são sempre os meus filhos, os meus Filhos sagrados.

Que assim seja.

Mãe Maria, expressando-se através de Judith Coates.

——————————————————————————–

Direitos Autorais 2007 Universidade Oakbridge. O material de Oakbridge é protegido por direitos autorais, mas gratuito para qualquer pessoa que queira usá-lo, contanto que os créditos apropriados sejam listados, incluindo o nosso endereço: http://www.oakbridge.org

Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

Anúncios

URGENTE – PREPARAÇÃO PARA A INTERVENÇÃO DO ARCANJO MIGUEL NO SÁBADO 12/12


Mensagem de SRI AUROBINDO de origem francesa
8 de Dezembro de 2009


“O QUE EU DIGO ESTA NOITE DEVE SER TRANSMITIDO AO MAIOR NÚMERO POSSÍVEL DE PESSOAS, ANTES DA CHEGADA DE MIGUEL.”

Caros irmãos e irmãs Humanos, em encarnação nesta densidade, eu sou Sri Aurobindo.

Eu serei de hoje em diante porta voz do conjunto dos 24 Anciãos, denominado Lipikas Cármicos ou Melquizedeque.

Hoje é um grande dia: nós viemos abrir, por meio de nossa reunião e nossa Assembléia no Círculo de Fogo dos 24 Anciãos, o início desta Dimensão ao recebimento da Luz da ressurreição.

Eu me expresso para que a maioria dos Seres Humanos sensíveis à esta Luz e à esta Vibração perceba isto que é para se perceber e viva isto que é para se viver.

Nós decidimos de comum acordo, nós, Círculo dos 24 Anciãos, associados às Sete Radiações Arcangélicas e à Divina Mãe, começar a abrir o último selo, quer dizer, permitir à sua Humanidade, a título individual e a título coletivo, começar a receber a Luz da ressurreição nesta densidade.

Dessa forma se abre, como disse recentemente, a porta do último dia.

Nós decidimos, de comum acordo, adiantar e acelerar a revelação da Luz nesta densidade para permitir ao conjunto da Humanidade e ao conjunto daqueles que aceitam a Luz, viver esta Luz.

O próprio Arcanjo Miguel lhes detalhará algumas coisas em relação à Coroa radiante do Coração.

A Coroa radiante do Coração corresponde, ao nível do seu chakra do Coração, à reunificação do conjunto dos elementos no seu Coração para elaborar e viver o Fogo do Amor.

Algumas circunstâncias prévias permitiram chegar a este momento.

O período que vocês vivenciam, desde o fim desta semana, inaugura um ciclo especial da revelação da Luz, para uma oitava diferente jamais vivida até hoje nesta Humanidade e corresponde ao que eu tinha anunciado a mais de 50 anos e que se verte doravante sobre a Terra.

Os véus da ilusão caem de maneira definitiva.

É de sua responsabilidade guardar sua própria casa, seu Templo Interior, para colher o Mestre da Luz.

A chegada da Luz, aquela que nós efetuamos e transmitimos até vocês, lhes permitirá, se este for o seu plano e sua capacidade Vibratória, acolher, em muito pouco tempo, em seu Templo Interior, a Vibração e a Consciência de Mestre da Luz.

Este é um grande momento.

Eu lhes tinha preanunciado a chegada durante a minha última intervenção entre vocês.

O que eu digo esta noite deve ser transmitido ao maior número possível de pessoas, antes da chegada de Miguel.

Quando falo da chegada de Miguel, não me refiro apenas à canalização e ao que deve retransmitir o Arcanjo Miguel neste canal, mas muito mais, a vinda efetiva da Vibração Arcangélica Micaélica na sua densidade.

Isto assinala, em vocês, o acendimento do Fogo do Amor pela Coroa radiante do Coração e pela Vibração do Amor, por meio de nossa nobre Assembléia e a venerável Assembléia dos Seres os mais evoluídos espiritualmente e ligados à revelação da Fonte.

Vamos permitir, agora, e vamos iniciar o retorno à Luz.

Vocês devem manter sua própria casa, vocês devem, neste próximo período, se prepara ativamente para vivenciar a efusão do Mestre da Luz.

A Luz do Supra Mental irrompeu, agora, em sua densidade.

Nenhum obstáculo pode impedir isto que chega.

Nenhum desvio poderá permitir o que quer que seja ao nível de qualquer alteração da Luz do Mestre da Luz.

Caros irmãos e caras irmãs, nós nos regozijamos em poder enfim nos comunicarmos com vocês, de maneira não falsificada, como vocês o vão perceber muito em breve.

Estes momentos assinalam seu retorno indefectível à Confederação Intergaláctica da Luz e da Verdade.

A cada dia, durante os dias que os separam da vinda de Miguel [em 12 de Dezembro], vocês vão se beneficiar, durante meia hora, das 7h30 às 8h (ndr: das 19h30 às 20h00, hora francesa no relógio) [das 16h30 às 17h00 ? hora de Brasília] desta pré-estréia.

Nós estamos em reunião permanente, agora, a fim de unificar nossa Consciência dos 24 Anciãos para lhes permitir adquirir, receber, se for o seu desejo, a Vibração e a Consciência de Mestre da Luz.

Os momentos que têm a viver são os mais importantes na história da Humanidade, a título individual e a título coletivo.

Vocês devem manter a calma, vocês devem manter a Alegria, vocês devem manter a serenidade porque nada deverá alterar estes momentos grandiosos, porque eles estão chegando a vocês.

O momento de sua libertação, caros irmãos e caras irmãs, está extremamente próximo, em Verdade e em Unidade.

A qualidade de Vibração que vocês vão assumir e vão portar no seu Estado de Ser revelado, lhes permitirá, em pouco tempo, realizar seu sonho o mais ousado: o retorno a não separação, o retorno à Unidade e à Verdade, se estabelece em meio mesmo a esta densidade.

Tentem manter-se em instantes e momentos de calma e de receptividade.

Pratiquem os exercícios que lhes pareçam bons, pratiquem também o repouso se isto lhes for bom, mas acolham, na sua Consciência aberta, a intensidade desta Vibração nova.

Os dias que vão chegar são os dias (novamente) mais importantes.

A reação da Humanidade será, evidentemente, muito diversa e muito variada, mas todos, em Consciência, que concordarem em receber e difundir esta Luz nova, o farão em meio mesmo à sua Vida, em meio mesmo aos momentos que vem.

Não há limite, nem coação.

Há liberdade.

Há Amor e há Unidade.

Os 24 Anciãos liberam a vocês, até vocês e para vocês, a Vibração da Luz da 5ª. Dimensão na sua densidade, reunificando sua Consciência, reunificando os Selos Arcangélicos, e estando reunidos à Divina Mãe, à Divina Maria.

Nós temos agora a possibilidade, juntos, todos vocês, caros irmãos e caras irmãs, assim como nós, auxiliados pelo conjunto da Confederação Intergaláctica, de realizar a grande obra que é o resultado de sua busca, e isto é agora.

Sigam tranquilamente seu caminho e sua Vida, não há nada para perturbá-los, simplesmente uma etapa nova se abre a vocês.

Resta a vocês integrá-la, sintetizá-la e liberá-la.

Nós contamos com vocês, como nós sabemos que vocês podem contar conosco.

Juntos, em breve reunidos na Luz Unificada da Fonte, poderemos de novo anunciar a Unidade deste mundo, no seu retorno à Unidade.

Meu discurso se encerra aqui, esta noite.

Não esqueçam nosso encontro das 19h30 às 20h00 [das 16h30 às 17h00 ? hora de Brasília].

Eu voltarei, quanto a mim, no dia 12 de Dezembro, após a intervenção e a Presença de Miguel, para lhes ajudar, de maneira muito simples, por alguns meios, a realizar esta obra.

Juntos, nós, Círculo dos Anciãos reunidos no Fogo do Amor, lhes transmitimos o melhor e lhes desejamos o melhor.

Eu lhes digo então até muito em breve.

Vocês são abençoados nestes momentos de reencontros.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Tradução para o Português: Zulma Peixinho

Carma / Ascensão


 

Partindo da idéia inicial de que o carma é criado em algum ponto do continuum da nossa existência, por uma perda energética causada por um trauma ou, mais especificamente, por um acontecimento que tenha gerado sentimentos de baixa freqüência, é natural que ao transmutarmos esse tipo de vibração, eliminemos a sua conseqüência.

 

Para exemplificar, tomemos uma pessoa que em algum ponto do espaço e do tempo, passou pela experiência da perda de todos os seus bens materiais. Essa pessoa pode encarar o fato de duas maneiras diferentes e conseqüentemente, pode optar por dois futuros diferentes.

 

Normalmente, de acordo com a ética vigente até então, a perda é encarada de uma maneira muito negativa e causa muito desgosto e medo, fazendo com que grande quantidade de energia se desprenda do corpo energético e fique paralisada naquele acontecimento. Nesse caso, a pessoa em questão, pode se sentir extremamente injustiçada e vitimizada, ficando incapaz de ter um afastamento crítico e de mudar seu julgamento sobre a situação. É então que se cria o carma negativo, que nada mais é, do que a necessidade de restaurar a integridade do corpo energético, formado com a energia de mais alta vibração, que é o amor. Essa necessidade se cria a partir do momento em que acontece a perda de energia devida ao trauma. Forma-se então um “buraco” no nosso corpo emocional que é onde ficam gravadas todas as nossas experiências e esse vazio vibra com freqüência muito mais baixa do que a da nossa energia original. O protagonista do nosso exemplo vai ficar atraindo situações parecidas até que seu ponto de vista mude e ele passe a encarar o fato vivido, apenas como mais uma experiência da qual se pode aproveitar sempre alguma lição.

 

Quando há a mudança de enfoque sobre acontecimentos vistos como “negativos”, a energia que possa ter se perdido, volta a seu lugar de origem e o carma desaparece, pois o caminho da unidade é retomado e a vibração do amor é restaurada, voltamos para a nossa integridade primitiva.

 

Os espíritos puros ou virgens que passaram e ainda passam pela Terra, são todos isentos de carma porque estão livres da dualidade do bem e do mal, possuem uma visão superior da vida e não tecem julgamentos, aceitam todos os acontecimentos igualmente, aproveitando toda oportunidade como degrau para o auto-desenvolvimento. São chamados virgens por estarem na Unidade de sua energia, vibram na freqüência mais alta e não abandonaram “pedaços” ao longo das encarnações. Têm consciência plena de suas múltiplas dimensões e da sua ligação íntima com o Divino. Suas mensagens e testemunho são sempre de amor, tolerância e compaixão, sentimentos que nos reconectam com a Totalidade.

 

Quando o Planeta se prepara para realizar mais um salto quântico, é essencial que a Humanidade se conscientize da necessidade de uma mudança de ponto de vista. O aumento da vibração da Terra tem que ser acompanhado por nós humanos, ou seja, o Ser que não se sintonizar com as novas freqüências, fatalmente estará impedido de “ascender”. É imprescindível que reintegremos toda a energia que deixamos para trás, em outras vidas e mesmo nessa, para que nossos corpos sutis e mesmo nosso corpo físico, agüentem a mudança vibracional. Não podemos seguir em frente, com nosso corpo emocional incompleto energeticamente.

Usando uma analogia física: quando um elétron muda de órbita, ele absorve um quantum de luz equivalente à diferença energética entre as duas órbitas, a antiga e a nova. Conosco, ocorrerá a mesma coisa! Se não estivermos com a soma de toda a energia que trouxemos inicialmente para a nossa vida tridimensional, mesmo com a absorção do quantum adicional, não conseguiremos atingir a quantidade de “luz” necessária para a ascensão. 

 

Nesta nova etapa, não haverá mais carma. Os aprendizados poderão ocorrer sem sofrimento, a vida na Terra será encarada como um período de experiência voluntária, como, na verdade, sempre foi. Esses conceitos deixarão de ser simples conhecimento, passarão a ser incorporados e sentidos como verdade absoluta.

 

Estaremos vivendo como humanos sem esquecer de nossa origem divina e de nossas várias dimensões espalhadas pelo Universo. Poderemos finalmente, nos ver livres de todo medo para usufruir de toda a alegria e prazer que esse maravilhoso Planeta tem para nos oferecer e que fazem parte da nossa natureza Divina.

 

 

Márcia Caminada

Física e pesquisadora, especialista em Metodologia da Pesquisa e do Ensino Superior, sócia-diretora da Empresa IMD Consultoria,  onde realiza pesquisas e estudos nas áreas de agricultura,  fontes alternativas de energia e indústria química.

PRIMEIRO PORTAL DE FOGO – EGITO 2009 – Por Kuthumi


PRIMEIRO PORTAL DE FOGO – EGITO 2009

Uma mensagem de Mestre Kuthumi através de Michelle Eloff©

Johannesburgo África do Sul – 15 de Janeiro 2009

 

 

Eu sou Kuthumi e me manifesto a partir dos raios do Amor e Sabedoria para saudar cada um de vocês neste momento, e para lhes trazer as bênçãos de novas percepções, clareza divina e a presença da sagrada vontade de Deus e do amor incondicional. Saudações, amados.

E é com imensa alegria e prazer nos nossos corações, que nos unimos a cada um de vocês neste dia, enquanto os mantemos firmemente no coração de Cristo e com segurança nas mãos de Deus.

Amados, esta primeira jornada pelos Portais de Fogo é como uma jornada de revelação. É a revelação do Eu autêntico, uma viagem ao outro mundo, um mundo de suas verdades ao qual ainda não se conectaram. A cada ano se deparam com um novo ciclo de re-conexão com a sacralidade do seu Eu autêntico.

Agora o Primeiro Portal está impressionando diretamente o seu chacra base; este é o portal através da qual a Deusa Hathor os acompanhará e Akhenaton preparará o caminho para esta poderosa transição para um novo modo de experienciarem a si mesmos. Todos os Portais de Fogo estão forçando-os a olharem para dentro de si, a voltarem-se para dentro de si, e a compreenderem o propósito de sua luz, o propósito da criação da sua luz e como vocês podem vivenciá-la melhor, experienciá-la e lidar com o que quer que aconteça durante esses ciclos.

O Primeiro Portal de Fogo lhes mostrará as energias destrutivas que criam ao projetarem em outros sua baixa auto-estima ou falta de confiança em si mesmos, esperando que as pessoas os tratem do modo como se sentem a respeito de si próprios, sendo que isto muitas vezes é feito subconscientemente. O mais importante desta mensagem, amados, tem a ver com a COMPARAÇÃO, e eu já falei antes na comparação. Porém esta iniciação lhes mostrará que, quando se comparam com alguém, quando desejam ser outra pessoa ou algo que não são, vocês assumem o carma dessa pessoa ou situação cármica. Se desejarem ser um famoso ator ou atriz, uma determinada pessoa em particular, ou se preferirem ser seu melhor amigo ou ter a vida de outra pessoa, seu desejo é realizado e então vocês assumem os carmas dessas pessoas, assumem a marca da vida delas e isto se mistura com a própria vida de vocês, o que os leva a experiências muito confusas, angustiantes e debilitantes. Portan to esta iniciação os levará ao caminho de regresso ao básico, ao chacra base, ao fundamento, e precisam começar a se perguntar: qual o carma que assumiram? A quem invejam? A quem criticam? Quem vocês desejam ser além de vocês mesmos?

Recordem estas palavras, amados: vocês se convertem no que julgam, também se convertem no que se comparam. Por anos temos falado sobre ser dono da sua própria verdade, assumir a responsabilidade por suas ações, seus pensamentos e suas palavras; isto não tem a ver com garantir que podem manifestar certas coisas em suas vidas. Muitos de vocês têm demonstrado que pensam que, se seguirem o que temos dito, podem manifestar riqueza exterior e muitas coisas mais; mas o que dizer do mundo interno? Como está a riqueza interior, a alegria interior, e o amor interno? Estes não existem na magnitude que deveriam para que vocês vivenciassem verdadeiramente a melhor vida possível; vocês abraçaram a idéia da promessa de uma nova vida.

A energia do Sol é poderosa, o Sol abre caminho para vocês, porém também queima através daquilo que já não lhes serve mais. Então a Deusa Hathor lhes mostrará a câmara sagrada do chacra base, será deste lugar que a nova luz da nova paixão por sua vida emergirá.

Amados, é vital que entendam que, enquanto não se conhecerem, não sairão da roda da reencarnação. Este é um dos mais poderosos tempos na história terrena e espiritual da humanidade; oportunidades estão sendo oferecidas a vocês como nunca antes, a Era Aquariana tem lhes trazido a oportunidade de adquirir conhecimentos e, o mais importante, auto-conhecimento.

Assimilando o entendimento de que se convertem no que julgam, que se convertem no que invejam e no que rejeitam, criarão uma importante mudança em sua relação com vocês mesmos. Assim, este Portal de Fogo rompe os vínculos com o mundo exterior, por assim dizer, e os obriga – de novo é uma maneira de dizer – a se voltarem para dentro de si, para que vejam porque querem ser outra pessoa, porque rejeitam certas coisas das pessoas, porque julgam e porque geralmente são infelizes com sua própria vida e com vocês mesmos. A única maneira de sair da prisão do destino é elevando-se acima dele, fazendo esta jornada, assumindo total responsabilidade por si mesmos. E acreditem, muitos de vocês ainda não alcançaram o entendimento total do que isto significa. A razão disto é que, então, de repente vocês são deixados a sós em seu mundo, sendo o seu mundo o que estão experimentando como sua vida, como a vida de Michelle ou a vida de Peter, ou de Jack ou de Jill; esse é o seu primeiro enfoque neste momento.

Enquanto viajamos nas sagradas terras para onde Akhenaton trouxe incríveis novas energias – que ele não pode deixar lá porque todos o rejeitaram, e onde seus templos não puderam permanecer por causa das coisas que ele defendia e por isso o material com que ele os construiu não durou muito tempo – acredito que podem começar a ver que esta viagem através dos Portais de Fogo e a experiencia da revelação poderão, a principio, soar amedrontadora, porém lhes asseguro que à medida que atravessarem cada um dos Portais, descobrirão mais de sua própria autenticidade.

Então peço agora que cada um relaxe seu corpo, serene a mente, feche seus olhos e sinta-se contido em seu corpo, sendo animado pelo Espírito de Deus Pai/Mãe, e o espírito de seu verdadeiro ser.

Sinta a essência ou imagine a essência de seu chacra base, a base da sua vida, onde estão contidos todos os seus medos, seus julgamentos, suas dúvidas, rejeições, críticas e todos esses pensamentos debilitantes, sentimentos, palavras e ações que você tem projetado nos outros, e os outros em você.

Agora imagine Akhenaton e a Deusa Hathor e veja-se de pé entre eles. Sinta as energias deles conectadas à sua. Eles o levam pelas mãos e começam a caminhar para frente. Enquanto caminham, você nota que estão num deserto belíssimo, dunas de areia por todos os lados, e sente o calor do Sol em seu corpo. Continue caminhando.

Eles lhe pedem que feche seus olhos e confie que o guiarão a cada passo. Caminham um pouco mais e então param. A Deusa Hathor põe a palma de sua mão direita diretamente sobre o seu chacra do terceiro olho. Isto abre um portal de consciência e percepção superiores, que envia um raio de luz para o seu chacra base, abrindo os portais de luz dentro de seu chacra base.

Um belíssimo cristal vermelho-sangue começa a emergir do seu chacra base estendendo-se para cima por toda a sua coluna vertebral, até se conectar com seu chacra do terceiro olho. Este é o seu cristal de poder. Contido neste cristal está todo o conhecimento de seu Eu autêntico; ele contém a energia e o poder do seu ser potencializado, a parte de você que está completamente em paz com o fato de ser totalmente responsável por si mesmo; a parte de você que se entrega ao autoconhecimento e entendimento das complexidades da sua natureza divina, da sua natureza humana e animal.

Akhetanon solta as suas mãos; seus olhos ainda estão fechados e ele caminha um pouco mais adiante. Você começa a sentir um som inusitado e este som penetra as células do seu corpo, e a ativação do Portal de Fogo reverbera por todo o seu DNA. Esta vibração começa a desalojar a negatividade de dentro do seu chacra base, que ficou firmemente enraizada e arraigada em suas atitudes, suas crenças, sua identidade e em todas as outras coisas às quais você se apegou e que você enxerga como uma extensão de quem você é; a diferença é que estas extensões fazem com que você se defina por meio delas; você não tem conseguido ver que, na realidade, elas não são você, que são só uma expressão de uma parte de você, mas não representam nem mostram a ninguém o que está no seu coração, o que reside em sua alma, que tipo de pessoa você é por trás da máscara da aparência do seu rosto e do seu corpo. E isto, meu querido, é a jornada para o verdadeiro poder . Quando você sentir esse poder correndo por suas veias, haverá momentos em que se sentirá intocável, uno com a vida, tão apaixonado por tudo, que parecerá impossível estar separado de qualquer coisa ou de qualquer pessoa. Esta fusão é o Matrimonio Divino, não se trata de co-dependência nem de ligações baseadas no medo.

O som aumenta, enviando vibrações mais intensas através de seu corpo.

A Deusa Hathor agora o puxa para frente e lhe sussurra que agora abra os olhos e então você vê este magnífico templo de cristal que apareceu no meio do deserto.

Este templo de cristal está emanando raios de uma linda luz vermelha. Dentro deste templo há um código sagrado, um dos seus códigos sagrados, que será codificado em seu chacra base para que a revelação possa fluir.

Akhenaton pega suas mãos de novo. Eles lhe pedem que inspire e expire três vezes profundamente.

Você começa a mover-se para frente e lhe é permitida a entrada no templo de cristal. Quando você passa pela entrada, o Portal de Fogo se ativa em todo o seu poder e envia mensagens ao seu corpo em um nanosegundo; toda esta informação é assimilada imediatamente pelas células do seu corpo, penetra todo o seu sistema nervoso central e todas as suas fibras de energia.

Enquanto avança mais profundamente no templo, você começa a sentir que o cristal dentro de seu corpo, que se estende desde o seu chacra base até o chacra do terceiro olho, também começa a vibrar, absorvendo a informação e a energia contida dentro deste templo de cristal (esta informação e energia pertencem especificamente a você).

Quando olha para baixo, para o piso de cristal, você vê um belo símbolo sagrado emergindo, flutuando em direção ao seu chakra base. Enquanto toma uma inspiração profunda, atraia este símbolo para dentro do seu chakra base e, ao exalar, permita que ele se instale.

A Deusa Hathor agora se desloca e coloca-se atrás de você. Em sua mão há outro cristal, um cristal de quartzo cheio de uma refinada e belíssima luz vermelha. Ela divide o seu cabelo na altura da nuca e começa a codificar a sagrada linguagem das Sacerdotisas do Sol ao longo de toda a sua coluna, começando pela sua nuca. Simplesmente inspire e expire, enquanto ela codifica o texto sagrado por toda a sua coluna, até chegar ao seu chacra base.

Enquanto ela faz isto, você perceberá quatro das Deusas Solares manifestando-se dentro do templo, cada uma delas sustentando um Disco Solar sagrado. Estes Discos Solares contêm símbolos e emanam freqüências que falam aos chacras do seu corpo. Agora elas vêm e param em volta de você nas posições Norte, Sul, Leste e Oeste – os elementos Terra, Fogo, Água e Ar. Elas começam a entoar os sons sagrados deste templo em particular e, neste momento, os Discos Solares saem de suas mãos. Estes Discos Solares flutuam diante do seu corpo, as freqüências que eles emitem penetram em seu chacra base e no chacra do terceiro olho e iniciam a configuração do poder solar dentro de você. O modo como isto se desenvolverá é único para cada um.

Estas Sacerdotisas conhecem a verdadeira natureza da sua alma e estarão aí para acompanhá-lo através de todo o processo desta revelação. Se houver algo especial em relação ao seu chacra base e questões relacionadas a querer ser outra pessoa, ou a experimentar a vida como outra coisa, então fale com elas sobre isto, para que o poder que emirja disso seja um poder que o dirija pelo caminho de seu verdadeiro destino como um autêntico guerreiro da luz, e não como uma vitima desesperada que só busca sobreviver à sua sorte. Este é o momento em que você pode libertar-se da prisão da sua sorte e fundir-se com o caminho sagrado do destino.

Agora vire suas mãos para o céu. Dois destes discos vêm pairar acima de sua mão esquerda e dois acima de sua mão direita. Talvez você sinta as vibrações destas energias na palma de suas mãos. Sustente-a aí.

Akhenaton dá um passo á frente. Ele tem uma pena de Corvo na mão. Aproxima-se do seu terceiro olho e, usando esta pena, escreve o código ancestral dos Deuses, Deusas, Sacerdotes e Sacerdotisas Solares em seu chacra do terceiro olho. Este será integrado no seu corpo, e quando você estiver pronto, a mensagem se tornará clara, pois a visão lhe será concedida.

Inspire profundamente, exalando totalmente. Quando termina, ele pega o disco dourado que está ao redor do pescoço dele e pressiona-o contra o seu terceiro olho, codificando mais um símbolo divino. Se não puder ver ou sentir os símbolos, não tem importância; simplesmente relaxe, sabendo que está feito.

Agora os discos que estão sobre as suas mãos começam a se fundir com os chacras das suas mãos. Essas energias estarão sempre presentes e farão parte de tudo o que você oferecer e de tudo o que receber, então esteja atento ao que você está doando e ao que está recebendo.

A Deusa Hathor agora coloca um manto Madre Perola sobre seus ombros, isto selará as energias do que foi codificado em sua coluna.

As Quatro sacerdotisas voltam à sua posição original, e as energias das quatro direções e dos quatro elementos se lançam para dentro do seu chacra base. Inspire profundamente enquanto inala essas energias no seu chacra base e permite que elas se assentem. Relaxe.

Agora, querido, você permanecerá dentro deste sagrado e cristalino Templo de Fogo pelas próximas dez horas. Durante esse tempo, a Deusa Hathor, Akhenaton e as quatro Sacerdotisas Solares que estão presentes com você assegurarão que você complete tudo o que for necessário para assegurar que o Portal de Fogo seja completamente conectado à essência do seu chacra base, e que a revelação também possa completar seu processo.

Tome um tempo para escrever seus sentimentos e seus pensamentos; escreva sobre cada pessoa que você invejou, desejou ser, rejeitou ou julgou e vice-versa. Isto lhe mostrará onde você assumiu o carma de outra pessoa e, com toda a boa vontade, adotou-o como próprio. E não estou falando do que você herdou de sua linha genética, estou falando de pessoas de seu mundo externo. Esta é uma parte muito importante deste processo, que contém uma chave muito importante.

Através do seu diário pessoal, você virá a entender exatamente o que precisa liberar agora e no que tem que enfocar com o propósito de completar sua jornada através do primeiro Portal de Fogo.

Akhenaton estende uma taça para você; ela está cheia de água pura e cristalina. Beba-a. Enquanto a água cristalina entra em seu corpo, lava as tensões, ansiedades ou qualquer estresse relacionado com o que você vai trabalhar agora. Pode ser até que você descubra que já começou a trabalhar com estas questões e o que está experienciando agora é simplesmente uma confirmação de que você está no caminho certo, que está ouvindo a orientação interior e que certamente está mais do que pronto para entrar num mundo totalmente novo.

Querido, esta é uma jornada para assumir seu poder de um modo que nunca fez antes. Estamos levando-o cada vez mais profundamente aos reinos do Eu, uma viagem em que poucos têm a coragem de embarcar. Mas, se quiser se libertar do seu destino, isto é o que deve fazer. Isto o elevará ao nível dos Avatares e de todos os antigos e sábios mestres. Você alcançará esse nível como nós, os Mestres Ascendidos, que estivemos na forma física, se estiver disposto a fazer esta jornada, se estiver disposto a olhar para si mesmo, assumir a si mesmo, amar a si mesmo e acreditar implicitamente em você mesmo.

Então, ser precioso, outra reconstrução, outra re-decoração e outra reinvenção de você mesmo está a caminho; desta vez o arquiteto e o desenhista são seu poder interno autêntico. Não subestime o que isto trará a você e o que irá lhe revelar.

Agradeça agora a Akhenaton, à Deusa Hathor e às quatro Sacerdotisas Solares. Você vai permanecer dentro deste templo. Ao agradecer, você está reconhecendo que quer fazer esta viagem, que quer fazer o que for necessário para se converter em seu Eu mais potente. Sem autoconhecimento não há nada, só o processo de assumir cada vez mais carma de outras pessoas.

Inspire profundamente e exale totalmente, enquanto começamos a trazer a sua consciência de volta ao seu corpo físico, ainda conectado ao sagrado templo de cristal no deserto. O cristal vermelho em seu corpo, ao longo da sua coluna, continuará emanando as freqüências que foram ativadas, assegurando que a assinatura no seu campo magnético faça saber a tudo e a todos que chegou o momento do seu mundo mudar.

Relaxe seu corpo, gire a base do seu pescoço, mova seus ombros, gire seus pulsos e seu quadril, ancorando-se firmemente em seu corpo outra vez.

Querido, não posso enfatizar suficientemente o quanto é importante este processo de escrever esse diário; isto lhe dará a intuição e a claridade que você procura, ajudá-lo-á a ver porque tem desejado ser outra pessoa. Agora, por favor, tenha em mente que não me estou referindo a seus sonhos pessoais, a suas metas, desejos e esperanças pessoais; estamos enfocando especificamente as situações em que você invejou outra pessoa, ou ficou com raiva ou ódio de outra pessoa porque ela parecia ser melhor do que você ou ter mais do que você ou ser mais feliz ou mais realizada do que você, ou ser mais inteligente ou ter melhor aparência do que você – todas as vezes em que você sentiu que assumiu um pouco do carma dessa outra pessoa. Então, você está pronto para liberar tudo isto? Está pronto para viver sua vida, focalizando a viagem do seu destino e elevando-se acima disto, movendo-se pelo caminho do destino, a viagem dos Avatares, dos Mestres Ascensionados; está pronto? Se sua resposta for sim, então faça tudo o que for preciso, você triunfará.

Estas energias do Fogo também o ajudarão a entender a sua raiva. Maria Madalena falou recentemente sobre dominar o Elemento Fogo; sugerimos que trabalhe com esse processo particular do qual ela fala; a mensagem o ajudará a entender como trabalhar o seu fogo interno e como lidar com o fogo dos outros. Então quando estas mensagens se fundirem, você terá à sua disposição as ferramentas para tornar tudo isto realidade. (Kuthumi se refere à canalização de 11:1 que Maria Madalena transmitiu em 11 de janeiro de 2009)

Saibam que eu, Kuthumi, caminho com cada um de vocês através dos Portais de Fogo. Agora vocês estão no mundo que se encontra além do Portal da Segunda Ascensão; agora estão nadando com o “peixe grande”, como eu disse na transmissão da ascensão (Canalização 21:12, de 21/12/2008). Vocês ganharam este direito; aproveitem isto e continuem crescendo com o fluxo de sua vida.

Cada dia que passar, depois deste, lhes trará as informações que necessitam. Prestem atenção aos sinais; se algo chegar a vocês três vezes ou mais – seja uma palavra, uma pessoa, um símbolo, uma idéia – isto é um sinal; olhem para ele, sigam-no; qual é a mensagem?

Akhenaton está muito presente com todos vocês e ele também os levará a viagens únicas e sagradas às terras sobre as quais ele caminhou um dia. Então, fiquem atentos, fiquem conscientes, permitam que seus sentidos se abram e que o mundo lhes fale, permitam que as sagradas terras dos Deuses e Deusas Solares cuidem de seu espírito e, enquanto isto for feito, seus chacras ficarão mais potencializados, seu Chacra Solar ganhará força e cada um de vocês será preparado para renascer como um Ser autêntico. E ao iniciar esse renascimento, nascerá um novo chacra, um chacra que estará conectado diretamente ao seu Eu autêntico; será um de seus chacras do Eu autêntico fundindo-se com os chacras do seu Eu humano, fortalecendo tudo em todos os níveis e alinhando-o completamente com seu poder pessoal.

E assim é, amados, que quando completarem esta jornada do primeiro Portal do Fogo, no final de todas estas ativações, vocês emergirão mais em contato com essa verdade. Assegurem-se de tomar muita água. Quando trabalham com o Elemento Fogo, necessitam de mais líquido do que o usual. Mantenham seus corpos hidratados, comam alimentos que os enraízem, comam alimentos de cor vermelha ou de cor negra (todos os alimentos que nutrem o chacra base), vegetais que são raízes, qualquer coisa que cresça dentro da terra sustentará seu chacra base. Assim, amados, descobrirão que o corpo responde àquilo que o nutre, e que existe um sistema de suporte fisicamente, emocionalmente, mentalmente e espiritualmente.

Confiem nos vários braços invisíveis que estão segurando cada um de vocês, caminhando com vocês, orientando-os e protegendo-os, e saibam que não existe um momento sequer em que estão sozinhos, pois somos todos um e estamos sempre presentes com vocês, de todos os modos.

Que a luz do Sol derreta todas as partes isoladas de si mesmos e que a vida de cada um flua maravilhosamente.

 

Eu Sou Kuthumi, Chohan do Raio Dourado do Amor e Sabedoria, e os saúdo e abençôo em amor. Adonai..

 Tradução: Lúcia Maria Lima La Rosa lmariarosa@uol.com.br

Revisão: Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br
Esta informação pode ser compartilhada com outras fontes, sob as condições estritas de que nenhuma informação seja alterada ou suprimida ou usada para ganho monetário, e que a fonte da informação seja reconhecida. Para saber mais sobre Michele & The Lightweaver, por favor, viste o site http://www.thelightweaver.org

Fonte: http://spiritlibrary.com/the-lightweaver/egypt-2009-fire-gate-1

P´taah falando sobre amor…


“Entenda, amado, a coisa mais importante, a coisa mais surpreendente, é você, é a humanidade, é o potencial ilimitado para amar.

Veja, o amor é a coisa mais extraordinária. O amor é apenas outro nome para Deus/Deusa e o amor é a estrutura do seu ser. É a sua verdade fundamental, não importa o que – o amor e a gratidão pela possibilidade de experienciar a vida humana e Deus/Deusa.

Amor.

Entenda, a cada vez que você está maravilhada, na alegria, no riso, no amor, não importa como isto se manifesta, você está sendo tudo o que pode ser e isto é chamado de Deus/Deusa. E você se sente separado disto?

O amor é a manifestação de Deus/Deusa. É Deus/Deusa. É a estrutura do universo. É tudo o que você pode possivelmente ser, e é a sua verdade. “

 

Mensagem de P’taah, Janeiro 2009, através de Jani King.