24 Toques para ser mais feliz – Por Roberto Shinyashiki


01 – Seja ético. 
A vitória que vale a pena é a que aumenta sua dignidade e reafirma valores profundos. Pisar nos outros para subir desperta o desejo de vingança. 

02 – Estude sempre e muito. 
A glória pertence àqueles que têm um trabalho especial para oferecer. 

03 – Acredite sempre no amor. 
Não fomos feitos para a solidão. Se você está sofrendo por amor, está com a pessoa errada ou amando de uma forma ruim para você. Caso tenha se separado,curta a dor, mas se abra para outro amor.

04 – Seja grato(a) a quem participa de suas conquistas. 
O verdadeiro campeão sabe que as vitórias são alimentadas pelo trabalho em equipe. Agradecer é a melhor maneira de deixar os outros motivados. 

05 – Eleve suas expectativas. 
Pessoas com sonhos grandes obtêm energia para crescer. Os perdedores dizem: “isso não é para nós”. Os vencedores pensam em como realizar seu objetivo.

06 – Curta muito a sua companhia. 
Casamento dá certo para quem não é dependente.

07 – Tenha metas claras. 
A História da Humanidade é cheia de vidas desperdiçadas: amores que não geram relações enriquecedoras, talentos que não levam carreiras o sucesso, etc. Ter objetivos evita desperdícios de tempo, energia e dinheiro.

 

08 – Cuide bem do seu corpo. 
Alimentação, sono e exercício são fundamentais para uma vida saudável. Seu corpo é seu templo. Gostar da gente deixa as portas abertas para os outros gostarem também. 

09 – Declare o seu amor. 
Cada vez mais devemos exercer o nosso direito de buscar o que queremos (sobretudo no amor). Mas atenção: elegância e bom senso são fundamentais. 

10 – Amplie os seus relacionamentos profissionais. 
Os amigos são a melhor referência em crises e a melhor fonte de oportunidades na expansão. Ter bons contatos é essencial em momentos decisivos. 

11 – Seja simples. 
Retire da sua vida tudo o que lhe dá trabalho e preocupação desnecessários.

12 – Não imite o modelo masculino do sucesso. 
Os homens fizeram sucesso a custa de solidão e da restrição aos sentimentos. O preço tem sido alto: infartos e suicídios. Sem dúvida, temos mais a aprender com as mulheres do que elas conosco. Preserve a sensibilidade feminina – é mais natural e mais criativa.

13 – Tenha um orientador. 
Viver sem é decidir na neblina, sabendo que o resultado só será conhecido, quando pouco resta a fazer. Procure alguém de confiança, de preferência mais experiente e mais bem sucedido, para lhe orientar nas decisões, caso precise.

14 – Jogue fora o vício da preocupação. 
Viver tenso e estressado está virando moda. Parece que ser competente e estar de bem com a vida são coisas incompatíveis. Bobagem … Defina suas metas, conquiste-as e deixe as neuras para quem gosta delas.

15 – O amor é um jogo cooperativo. 
Se vocês estão juntos é para jogar no mesmo time.

16 – Tenha amigos vencedores. 
Aproxime-se de pessoas com alegria de viver.

17 – Diga adeus a quem não o(a) merece. 
Alimentar relacionamentos que só trazem sofrimento é atrapalhar sua vida. Não gaste vela com mau defunto. Se você estiver com um homem/mulher que não esteja compartilhando, empreste, venda, alugue, doe… E deixe o espaço livre para um novo amor.

18 – Resolva! 
A mulher/homem do milênio vai limpar de sua vida as situações e os problemas desnecessários.

19 – Aceite o ritmo do amor. 
Assim como ninguém vai empolgadíssimo todos os dias para o trabalho, ninguém está sempre no auge da paixão. Cobrar de si e do outro viver nas nuvens é o começo de muita frustração.

20 – Celebre as vitórias. 
Compartilhe o sucesso, mesmo as pequenas conquistas, com pessoas queridas. Grite, chore, encha-se de energia para os desafios seguintes.

21 – Perdoe! 
Se você quer continuar com uma pessoa, enterre o passado para viver feliz. Todo mundo erra, a gente também.

22 – Arrisque! 
O amor não é para covardes. Quem fica a noite em casa sozinho, só terá que decidir que pizza pedir. E o único risco será o de engordar. 

23 – Tenha uma vida espiritual. 
Conversar com Deus é o máximo, especialmente para agradecer. Reze antes de dormir. Faz bem ao sono e a alma. Oração e meditação são fontes de inspiração.

24 – Muita Paz, Harmonia e Amor… sempre!

Anúncios

Carma / Ascensão


 

Partindo da idéia inicial de que o carma é criado em algum ponto do continuum da nossa existência, por uma perda energética causada por um trauma ou, mais especificamente, por um acontecimento que tenha gerado sentimentos de baixa freqüência, é natural que ao transmutarmos esse tipo de vibração, eliminemos a sua conseqüência.

 

Para exemplificar, tomemos uma pessoa que em algum ponto do espaço e do tempo, passou pela experiência da perda de todos os seus bens materiais. Essa pessoa pode encarar o fato de duas maneiras diferentes e conseqüentemente, pode optar por dois futuros diferentes.

 

Normalmente, de acordo com a ética vigente até então, a perda é encarada de uma maneira muito negativa e causa muito desgosto e medo, fazendo com que grande quantidade de energia se desprenda do corpo energético e fique paralisada naquele acontecimento. Nesse caso, a pessoa em questão, pode se sentir extremamente injustiçada e vitimizada, ficando incapaz de ter um afastamento crítico e de mudar seu julgamento sobre a situação. É então que se cria o carma negativo, que nada mais é, do que a necessidade de restaurar a integridade do corpo energético, formado com a energia de mais alta vibração, que é o amor. Essa necessidade se cria a partir do momento em que acontece a perda de energia devida ao trauma. Forma-se então um “buraco” no nosso corpo emocional que é onde ficam gravadas todas as nossas experiências e esse vazio vibra com freqüência muito mais baixa do que a da nossa energia original. O protagonista do nosso exemplo vai ficar atraindo situações parecidas até que seu ponto de vista mude e ele passe a encarar o fato vivido, apenas como mais uma experiência da qual se pode aproveitar sempre alguma lição.

 

Quando há a mudança de enfoque sobre acontecimentos vistos como “negativos”, a energia que possa ter se perdido, volta a seu lugar de origem e o carma desaparece, pois o caminho da unidade é retomado e a vibração do amor é restaurada, voltamos para a nossa integridade primitiva.

 

Os espíritos puros ou virgens que passaram e ainda passam pela Terra, são todos isentos de carma porque estão livres da dualidade do bem e do mal, possuem uma visão superior da vida e não tecem julgamentos, aceitam todos os acontecimentos igualmente, aproveitando toda oportunidade como degrau para o auto-desenvolvimento. São chamados virgens por estarem na Unidade de sua energia, vibram na freqüência mais alta e não abandonaram “pedaços” ao longo das encarnações. Têm consciência plena de suas múltiplas dimensões e da sua ligação íntima com o Divino. Suas mensagens e testemunho são sempre de amor, tolerância e compaixão, sentimentos que nos reconectam com a Totalidade.

 

Quando o Planeta se prepara para realizar mais um salto quântico, é essencial que a Humanidade se conscientize da necessidade de uma mudança de ponto de vista. O aumento da vibração da Terra tem que ser acompanhado por nós humanos, ou seja, o Ser que não se sintonizar com as novas freqüências, fatalmente estará impedido de “ascender”. É imprescindível que reintegremos toda a energia que deixamos para trás, em outras vidas e mesmo nessa, para que nossos corpos sutis e mesmo nosso corpo físico, agüentem a mudança vibracional. Não podemos seguir em frente, com nosso corpo emocional incompleto energeticamente.

Usando uma analogia física: quando um elétron muda de órbita, ele absorve um quantum de luz equivalente à diferença energética entre as duas órbitas, a antiga e a nova. Conosco, ocorrerá a mesma coisa! Se não estivermos com a soma de toda a energia que trouxemos inicialmente para a nossa vida tridimensional, mesmo com a absorção do quantum adicional, não conseguiremos atingir a quantidade de “luz” necessária para a ascensão. 

 

Nesta nova etapa, não haverá mais carma. Os aprendizados poderão ocorrer sem sofrimento, a vida na Terra será encarada como um período de experiência voluntária, como, na verdade, sempre foi. Esses conceitos deixarão de ser simples conhecimento, passarão a ser incorporados e sentidos como verdade absoluta.

 

Estaremos vivendo como humanos sem esquecer de nossa origem divina e de nossas várias dimensões espalhadas pelo Universo. Poderemos finalmente, nos ver livres de todo medo para usufruir de toda a alegria e prazer que esse maravilhoso Planeta tem para nos oferecer e que fazem parte da nossa natureza Divina.

 

 

Márcia Caminada

Física e pesquisadora, especialista em Metodologia da Pesquisa e do Ensino Superior, sócia-diretora da Empresa IMD Consultoria,  onde realiza pesquisas e estudos nas áreas de agricultura,  fontes alternativas de energia e indústria química.

“O Clima Mundo Afora” – Tobias, canalizado por Geoffrey Hoppe


“O Clima Mundo Afora” – Tobias, canalizado por Geoffrey Hoppe

Apresentado ao Crimson Circle
3 de Janeiro, 2009

http://www.crimsoncircle.com

 

 

(…)

 

 

O Clima na Terra

 

2009 será o ano das tempestades – tempestades que fazem manchete e levam ao drama – sejam terremotos, sejam violentas tempestades jamais medidas a esse nível antes; ventos, chuva, raios – tempestades de raios estranhas e pouco normais por todo o mundo que produzem padrões jamais vistos antes em uma tempestade de relâmpagos –  isso vai ocorrer pelo mundo todo.

 

Alguns dirão que isso é resultado do aquecimento global. Irão por a culpa de tudo no aquecimento global.  Entrarão em pânico e drama.  Chegarão ao extremo porque é um jogo divertido que jogam.

 

Outros culparão Deus.  “Deus está com raiva, Deus está zangado com os humanos,” eles dirão.  “Isso é o começo do fim, a ruptura, o fim da Terra, e Deus está expressando seu desprazer pelos humanos e, portanto, enviando as forças da natureza e o clima para despertar as pessoas.” E, algumas vezes tirando milhares, dezenas de milhares e centenas de milhares numa única tempestade, numa única varrida.

 

Outros culparão a própria Terra, dizendo que – esses são os de mente científica – dizendo que houve forças na Terra e no sistema solar que não haviam sido previstas antes e que estão causando esse padrões erráticos e que talvez a Terra comece a entrar em colapso.

 

Nada disso é realidade, são dramas. São dramas.  Dramas intelectuais ou emocionais.

 

O que vocês tem aqui é que a mudança de consciência da Terra chegou a um tal grau que vai afetar o clima.  O clima vem em resposta à consciência humana. Isso não significa que tem que ser sempre bom e ensolarado. (risadas)  O clima providencia limpeza.  O clima provê também insight e saber.

 

O clima na Terra também ajuda de uma maneira interessante no partilhar a consciência, a partilhar energias pelo mundo todo.  Costumava ser o método mais importante de trazer consciência de uma cultura ou de uma parte do mundo para outra.  Foi assim que levou consciência, em um nível etéreo, de diferentes bolsões de consciência para novos lugares pelo mundo.  É assim que foi possível a uma invenção na China há 10.000 anos atrás – e numa estrutura de tempo muito parecida – ocorrer também do outro lado do mundo.  Parte disso acontece ao nível etéreo, parte ao nível físico.  Então o clima costumava ser o entregador de consciência, e ainda é. Ainda é. Ele é mais tangível.

 

Agora outros sistemas e tecnologias também atuam como a sua Internet.  Mas o clima participa com um papel vital, levando mensagens importantes pelo mundo todo – e não apenas para humanos, mas também para animais, para a terra, para a vida no planeta Terra. Eles não confiam tanto na Internet.( Tobias dá uma risadinha)  Eles ainda confiam no clima.

 

Há o que vocês chamariam de batimento cardíaco do clima.  Há um pulsar no clima.  Agora, quando você olha para ele de um ponto de vista estatístico, não parece ser assim.  Mas se você sente as próprias nuvens, se você sente a Terra e o relacionamento que ela tem consigo mesma, com a água, com o ar, você será capaz de sentir o pulso, e será capaz de entender que o clima, que a mudança climática na Terra aqui, no ano 2009, vai estar fazendo sua limpeza.  E vai estar levando uma nova mensagem para as plantas e para os animais e para a Terra e para a água.  E vocês vão ser parte disso. Vocês vão se sentir muito, muito conectados ao clima.

 

Não deixem que isso desperte medo.  Não pense que seu próprio destempero interno e raiva estejam sendo expressados pra fora através de uma tempestade. Permita-se sentir o clima com nunca antes, porque ele é o condutor da nova consciência nas camadas profundas e nos níveis profundos da Terra neste ano.

 

O clima será manchete, particularmente – particularmente depois do primeiro quarto desse ano.  Vai deixar os cientistas perplexos e os que estudam seus padrões, e eles vão começar a imaginar por que as transformações nos pólos magnéticos estão mudando numa base errática, assim como a intensidade ou o empuxo magnético da Terra. Ambos os pólos magnéticos vão estar em transformação, e a força – ou falta de força – do puxão gravitacional na Terra vai mudar esse ano, e vai estar errático.  Não vai seguir um bom caminho simétrico.  Vai mudar em cada parte da Terra, e cada aspecto biológico da Terra vai sentir isso, mas a maioria não vai entender o que está acontecendo.

 

Muitos vão entrar em drama e emoção, sem saber o que irá acontecer.  Vão dizer que é um lembrete da Terra, que a Terra é mais grandiosa que o humano, que os humanos abusaram da Terra e agora é hora de honrar e respeitar a Terra.  De certa maneira, sim – sempre honrem e respeitem a Terra. Mas não a temam.  Ela é parte de vocês. O clima vai prover importantes mudanças na liberação de energias que estiveram mantidas por eras e que estavam esperando pra partir.

 

A maioria de vocês recuperou  suas energias, seus passados mortos, enterrados no chão.  Mas agora outros aspectos de entidades vão estar se refazendo agora.

 

Espécies partirão da Terra permanentemente. Elas partem para que novas espécies possam se desenvolver e entrar; de maneira que as espécies humanas possam evoluir e mudar.  Tudo isso, queridos Shaumbra, é uma benção da maior magnitude.

 

Vai haver momentos que você irão me xingar quando deitados na cama, escondendo-se no andar debaixo de suas casas, no meio de tempestade numa ravina em algum lugar, quando seus vôos atrasarem por dias e dias, dias e dias sem fim.  Desculpe.  (risadas) Vocês vão me xingar quando a neve tiver coberto vocês, acima de suas cabeças e não forem capazes de sair, ou quando trovoadas contínuas e raios parecerem intermináveis.

 

Mas lembrem-se, lembrem-se o que falamos aqui hoje.  O clima é consciência, e ela está mudando.  O clima está servindo a humanidade.  O clima é uma maneira tão perfeita de permitir que essa coisa simples aconteça, a energia busca resolução, transformação. Renovação.  E é isso o que vai acontecer esse ano.

 

Os Efeitos no Suprimento de Alimentos

 

A parte não-dramática, a parte que não terá chamada imediata nas manchetes, é a mudança no clima global que causará um déficit de alimento pelo menos pelos próximos anos. Lugares onde se confiava no crescimento de alimento, não serão capazes de produzi-lo.  Os reservatórios, bem fundo na superfície da Terra, vão secar ou se tornar tóxicos às plantas.  Lugares que experimentavam clima temperado vão começar a experimentar climas mais severos – muito frio, muito calor – e as plantas que uma vez cresceram na superfície, não crescerão sem esforço, se crescerem.  Isso vai causar uma diminuição nos suprimentos de comida na Terra.

 

Isso não será manchete de imediato, não como um crash na bolsa de valores ou uma boa guerra.  O que acontece é a notícia silenciosa e sutil.  Mas quero que estejam cientes.  Eu quero todos vocês totalmente cientes do clima.  Vá além das manchetes de primeira página e cave fundo.  Eu gostaria até mesmo que um grupo de Shaumbra, representando diferentes países, se reunindo como um repórter do tempo, ajudando outros Shaumbras a entender o que está acontecendo.  Não de um espaço de drama, mas de um espaço de entendimento.

 

Então quando o déficit alimentar começar, obviamente isso leva a todo um diferente tipo de energia.  Aqui você tem agora países e negócios lidando com assuntos financeiros e políticos e guerras, e eles estão preocupados com isso.  Eles estão bem preocupados com negócios.  Estão todos preocupados em salvar a economia.  E bem na hora quando estiverem tentando ao máximo consertar as coisas, receberão más notícias batendo à porta – “Estamos ficando sem comida.”

 

Caos ou benção?  Desastre ou apenas uma mudança?  Em qual você quer acreditar?  Em qual você quer viver?

 

Shaumbra, tudo isso está acontecendo muito naturalmente.  Mesmo quando grupos – grupos inteiros de humanos – partirem da Terra de uma vez, há uma escolha por trás em algum nível.  Alguns desses grupos estiveram tão conectados a sua cultura particular ou ao seu carma ancestral e cultural que não podem mais ficar na Terra do jeito que estavam.  Então em algum nível estão concordando em um êxodo em massa.

 

Algumas das formas em plantas e animais sabem que não precisam mais servir os humanos e a Terra da velha maneira, então vão partir.  Toda vez que há um êxodo, é uma oportunidade e uma abertura para a próxima geração e o próximo ciclo e a evolução entrarem – e é isso o que está acontecendo na Terra.

 

Não são alienígenas manipulando o clima.  Não é o governo semeando as nuvens.  O governo faz coisas estúpidas, (risadas) mas estupidez não vai tão longe na estrada antes de falhar.  Essas coisas acontecendo no clima não estão sendo manipuladas por pessoas que vivem dentro das montanhas, porque as pessoas nas montanhas partiram há muito tempo atrás.   Elas não precisavam estar mais aqui como mantenedores de energia para a Terra.

 

Observe o clima.  Observe a mudança acontecer na produção de alimento.  Observe como a crise vai entrar em ebulição para alguns e  o cenário de caos e fim do mundo, conspiração e tudo mais… E querido Shaumbra, nós o convidamos a entender que é uma redistribuição.  É uma mudança e é apropriado.

 

Novos Potenciais

 

Os padrões climáticos serão intensos, especialmente na segunda parte desse ano, entrando no próximo ano.  Como dissemos, vai ocasionar mudança nos padrões do alimento.  E seja dito, as pessoas brilhantes, as pessoas de consciência e aqueles que entendem o que realmente está acontecendo experimentarão as energias dos seres espirituais na Terra como vocês. É aí que o verdadeiro trabalho e as verdadeiras invenções e criações, e novas tecnologias vão surgir.

 

Há tecnologias agora para a produção de alimento que não podem sair do laboratório devido à falta de fundos ou a falta de interesse. Há tecnologias nesse momento prontas para aparecer.  Mas não aparecem porque essas tecnologias tem a ver com combustível

 

muito barato e limpo, como disse David.  Estão prontas para serem lançadas, mas há falta de fundos ou interesse,  ou às vezes apenas portas fechadas. Essas coisas estão prontas pra deslanchar.  Há tecnologias já desenvolvidas agora, querido Shaumbra, que deixaria você impressionado em termos de cura. Elas apenas precisam apenas de refinamento e de fundos.  É aí que vocês entram.  É aí que entra a consciência.

 

Não é tempo de entrar em dramas, em conspirações, em fim do mundo.  É hora de elevar-se acima disso, de usar suas energias criativas, suas energias de criadores para ajudar a trazer isso à tona. E tudo o que tem a fazer é ter esperança e ter visão, e estar ciente e entendendo, é estar bi-presente, estar nesse momento.  Não deixar seu corpo, não sair dessa realidade para se esconder em algum outro lugar, fingindo que não está acontecendo, mas entendendo que é uma nova era.  É um novo tempo. As coisas mudam.

 

 

Respirem profundamente Shaumbra.

 

(pausa)

 

Não é o fim do mundo, é mudança.  Dias haverá em que será difícil lembrar disso.  Haverá dias que você cairá no drama junto com outros humanos, imaginando o que está acontecendo.  Quando chegar a esse ponto, respire profundamente e lembre… Lembre-se de entrar na sensação da tempestade.

 

Implicações Pessoais para o Shaumbra

 

Agora o que significa isso pra você pessoalmente?  Essa era sua próxima pergunta, “o que Shaumbra deveria estar fazendo esse ano?”  Ah, incrível.  Tantas tempestades quanto haja pela Terra, não importa quantas vezes a Terra se esfacele e entre em erupção esse ano – o que ela precisa fazer – esse ano poderia ser definido como o – o sublinhado, não um de muitos, mas o ano de oportunidade para o Shaumbra e para qualquer um que tenha integrado sua sabedoria espiritual a sua existência humana.

 

Haverá mais oportunidade para vocês começarem seu negócio; para fazer trabalhos de cura a seu próprio modo – seu próprio modo; mais oportunidades para vocês ensinarem o que vocês têm a partilhar; mais oportunidades para vocês serem Standards para outros humanos, faróis de luz para aqueles em sofrimento.  Haverá mais oportunidade para você trazer seus sonhos a Terra, manifestá-los aqui e ter a alegria de vivenciá-los. Haverá mais oportunidades que nunca antes para convidar sua essência, seu divino, seu verdadeiro Eu a se unir a você nessa experiência chamada: vida na Terra.

 

Haverá mais oportunidades para abundancia em sua vida.  Não olhe pra outro lado esse ano, como vem fazendo por tantos anos.  Os professores que vieram antes de vocês e falaram a vocês sobre abundancia, falaram como faze-la acontecer, falaram com vocês sobre sim, como isso pode envolver riscos, mas também pode ser muito recompensador.

 

Se você tinha questões com abundancia, pare de correr delas.  Pare de jogar o jogo. Ouça o que eles tem a dizer esse ano.  Escute a si mesmo esse ano.  Seu eu está cansado de sofrer, cansado de mal ser capaz de pagar as contas.  É um velho jogo.

 

Esse é o ano da oportunidade, e agora você diz, “Sim, mas o resto do mundo vai estar passando por todas essas lutas, e você nos diz Tobias,  que a comida vai escassear.”  Eu não disse que ela vais se tornar escassa. Não disse isso.  A produção vai mudar, e as tecnologias estão aí com novos tipos de produção, como a Terra jamais viu antes, e há aqueles que farão outros humanos acreditar que há escassez.  Não caia nessa armadilha.  Há uma mudança na produção de alimentos.

 

Então não entre nessa coisa de dizer, “Mas o mundo está num tal ponto de desafio agora.  Como você pode me dizer que vou ter mais abundancia esse ano?” Porque, enquanto o resto do mundo, o resto da humanidade está olhando para a tempestade, você tem a oportunidade de olhar para o arco-íris.

 

E dentro do arco-íris… Queridos amigos, são poucas pessoas a olhar para ele esse ano, elas vão estar olhando para o velho arco-íris e o velho pote de ouro no fim do arco-íris – se é que vão ver dessa maneira.  Mas a tempestade vai fazê-los sofrer.  A oportunidade está aí.  Sempre esteve. Vai parecer um pouco diferente do que foi no passado. Esse arco-íris vai ter diferentes nuances de cor e uma maneira diferente de fazer a ponte e o arco como nunca antes.  E sim, essa metáfora do arco-íris vai aparecer pra você muitas vezes durante esse ano, literalmente.

 

Usamos isso para dizer que enquanto o resto do mundo está olhando para um outro lugar qualquer, há tanta oportunidade agora – oportunidade genuína, que não está tirando de ninguém mais, que não é especulativa em termos de tirar ou artificialmente manipular às expensas de outrem – mais oportunidade pra você sair pulando por aí. Não perca esse ano.

 

A oportunidade nunca foi tão grande para aqueles que tem uma inclinação ou uma base espiritual  em suas vidas. As oportunidades não serão as mesmas no ano de 2010 ou 2011 e definitivamente não no ano de 2012.  Se você está esperando por 2012, você vai só ficar esperando.  Faça esse ano, Shaumbra.  Você vai ficar impressionado pela quantidade de fontes disponíveis.  Agora, você vai ter que levantar um dedo ou uma mão. Tem que ter um pouquinho de você na coisa.  Não dá pra ficar só sentando e não fazer nada.  É uma energia do tipo participativo, onde você cria algo.  Mas faça isso esse ano.

 

Clareza, Alegria e Escolha

 

Mais um ponto.  No passado, a consciência era tal que era difícil ver os muitos e diferentes mundos e realidades que existem dentro de uma só realidade.  Em outras palavras, tudo parecia ser tipo indistinto e fluir junto.  Era muito difícil distinguir os diferentes níveis de consciência.  Todos pareciam borrados junto – não somente para você, mas para o mundo em geral.  Para você e muitos outros no mundo, mas para você em especial, você vai ver com uma nova clareza.  Não vai ser tudo um emaranhado – estamos falando sobre a consciência humana em geral.

 

Você vai ver que mundos existem dentro de mundos e realidades existem dentro de realidades.  Você vai ver que não é mais apenas uma vida plana, tridimensional.  É multidimensional.  Você vai ver que há tantas diferentes segmentações da humanidade, não apenas geográficas, mas culturais, sistemas de crença, religiões.  Você vai ver as diferenças com tal clareza como nunca antes experimentou.  Não vai ser mais apenas tudo sendo lavado junto.

 

Esse é um fator importante por uma série de razões, porque você vai perceber o quão diversa é a realidade.  Ela não é singular.  É muito diversa.  O segundo ponto e o mais importante nisso é que você vai ter que  escolher em quais realidades você quer viver e experimentar.

 

Quando a mamãe pássaro desperta de manhã… Eu amo os passarinhos.  São Francisco e eu – verdadeiros amantes de passarinhos.

 

Quando uma mãe pássaro acorda de manhã mesmo antes do sol nascer, ela sente a excitação  e a alegria pelo dia que nasce.  Ela sequer espera o sol se levantar.  Ela levanta e começa a cantar as alegrias do dia – cantando, olhando pro seu ninho com seus filhotes, cantando a alegria de curtir a vida com eles.  Ela não se preocupa com todas as coisas que precisam ser feitas nesse dia.

 

Ela abre suas asas, antes mesmo dos pequenos despertarem, e sai voando. Entra numa corrente de consciência e o no vento que trás a ela a comida, para dar aos pequenos e depois pra si mesma. E está bem ali.  E há dias quando a comida não está ali e ela continua cantando porque para ela, para essa mãe pássaro experimentar a vida, abrir suas asas e soar sobre a terra é alegria suficiente, mesmo se ela fosse embora no momento seguinte.

 

Geralmente, ela volta para seu ninho com comida no bico para os pequenos, e continua a cantar pelo dia afora até a noite.  Assim é a vida de um passarinho.  Nenhum medo.  O passarinho funciona com sua intuição de pássaro e sua consciência de pássaro, e a consciência da Terra para suprir todas suas necessidades.

 

Quando você desperta – quando outros humanos despertam, a primeira coisa que fazem é se assustar.  Antes de se levantarem da cama, antes de dar a primeira profunda e consciente respirada, eles se assustam pelo dia à frente.  Eles se aterrorizam face ao que está diante deles, suas contas e seu trabalho e suas relações.  Eles se assustam e tem medo de sua saúde.  Ao invés de se levantar com uma canção e uma respiração, eles se levantam lutando com o dia.  E não tem que ser assim.

 

Você pode escolher em qual mundo quer viver.  O mundo onde as tempestades vão retalhar a Terra, dizimar as plantações? Oh, e quando as plantações começarem a mudar, trará um novo tipo de inseto ou parasita.  Vai trazer novos tipos de doenças para as plantas.  Pode parecer terrível – se você escolher esse mundo para viver.

 

Ou quando você se levantar de manhã, pode escolher respirar profundamente.  Cantar a canção de alegria de estar aqui num corpo físico na Terra.  Cantar a canção da vida, mesmo se a vida acabar mais tarde ao fim do dia.  Não importa. Essa é a experiência de estar aqui na Terra.  Cantar a canção de um corpo físico no qual sentir a Terra e a vida.  Cantar a canção das relações, boas e más porque todas elas lhe deram algo.

 

Então a pergunta que faço a cada um e a todos vocês é: qual mundo você escolhe viver?  O mundo do caos e drama e tempestades?  Ou você escolhe viver num mundo de abundancia e oportunidade e alegria, não importa que tempestades estejam se passando ao seu redor? Qual mundo você escolhe viver?

 

Agora, vou fazer uma observação importante aqui.  O que vou falar não é pensamento positivo.  Não estou falando sobre forçar você a pensar positivo.  Isso não funciona porque não é genuíno e autêntico. O que estou falando aqui é sobre fazer uma escolha consciente – qual mundo você quer viver.

 

Você poder fazer aquela profunda respiração antes de levantar da cama, em alegria pelo dia não importa o que ele traga?  Você pode cantarolar uma canção para si mesmo?  Você pode se abrir e se conectar aos seres angélicos que estão todos a sua volta?  Você pode sentir tamanha alegria em sua vida que desiste de lutar, que permite a abundancia entrar? Você pode trazer seus sonhos para sua realidade, sua alma para sua vida?  Você pode permitir a si mesmo ser parte de sua alma também?

 

Que mundo você escolhe viver esse ano?

 

E assim é.

 

 

Tradução para o Português:Sonia Gentil    soniagentil@uol.com.br

 

 ——————————————————————————–

 

Tobias do Conselho Carmesim é apresentado por Geoffrey Hoppe, com o pseudônimo de “Cauldre”, Golden, Colorado. A história de Tobias, do bíblico Livro de Tobit, pode ser encontrada no web site do Círculo Carmesim: http://www.crimsoncircle.com. O Material do Tobias é oferecido gratuitamente aos Trabalhadores da Luz e Shaumbra de todo o mundo desde agosto de 1999, época em que Tobias disse que a humanidade tinha ultrapassado o potencial de destruição e entrado na Nova Energia.

O Círculo Carmesim representa uma rede mundial de anjos humanos que estão entre os primeiros a fazer a transição para a Nova Energia. Enquanto eles vivenciam as alegrias e os desafios do status da ascensão, ajudam outros humanos em suas jornadas, compartilhando informações, atendendo e orientando. Mais de 50.000 visitantes vão ao web site do Círculo Carmesim todos os meses ler os últimos materiais e discutir suas próprias experiências.

 Os encontros do Círculo Carmesim acontecem mensalmente em Denver, Colorado, onde Tobias apresenta as informações mais recentes através de Geoffrey Hoppe. Tobias declara que ele e os outros do Círculo Carmesim celestial estão, na verdade, canalizando os humanos. De acordo com Tobias, eles estão lendo nossas energias e traduzindo nossas próprias informações de volta para nós, de modo que possamos vê-las vindo de fora, enquanto as vivenciamos no nosso interior. O “Shoud” é uma parte da canalização em que Tobias fica de lado e a energia dos humanos é canalizada diretamente por Geoffrey Hoppe.

As reuniões do Círculo Carmesim estão abertas ao público. O Círculo Carmesim sobrevive com o amor sincero e a doação dos Shaumbra de todo o mundo.

O objetivo dos que fazem parte do Círculo Carmesim é servir de guias humanos e professores àqueles que seguem o caminho do despertar espiritual interior. Não é uma missão evangélica. Pelo contrário, a luz interior é que guiará as pessoas até você para receberem compaixão e atenção. Você saberá o que fazer e o que ensinar nesse momento, quando vier até você o humano precioso e único, pronto para embarcar na jornada da Ponte de Espadas.

Se você estiver lendo isto e sentir a verdade e a conexão, você é realmente um Shaumbra. Você é um professor e um guia humano. Permita que a semente da divindade cresça dentro de você agora e em todos os momentos que estão por vir. Você nunca está sozinho, porque a família está espalhada por todo o mundo e os anjos estão ao seu redor.

Por favor, distribua este texto livremente numa base não comercial e sem cobrar por ele. Por favor, inclua as informações na íntegra, inclusive com todo este pé de página. Todos os outros usos têm que ser aprovados por escrito por Geoffrey Hoppe, Golden, Colorado. Veja a pagina de contatos no website http://www.crimsoncircle.com/

 

 

 

 © Copyright 2009 Geoffrey Hoppe, P.O. Box 7328, Golden, CO 80403. Todos os direitos reservados.

 

http://www.novasenergias.net/circulocarmesim  Site Oficial do Circulo Carmesim. Todos os direitos reservados.

 

Leia o texto completo em: http://www.novasenergias.net/circulocarmesim/textos/TbRET6.html

 

Corpo e mente em equilíbrio – Por Osho.


Faça o que a sua natureza quer fazer, o que suas qualidades intrínsecas anseiam por fazer. Ouça seu próprio coração; essa é a única escritura que prescrevo. Ouça com muita atenção, com muita consciência e nunca estará errado.

Ouvindo o seu coração você nunca ficará dividido. Ao escutar o seu coração, começará a tomar a direção correta, sem jamais pensar no que está certo ou errado. Siga-o de qualquer maneira aonde quer que ele o leve. Ele às vezes o colocará diante de perigos – mas lembre-se de que nesses casos alguns perigos são necessários para seu amadurecimento.

Outras vezes o coração o levará a se extraviar – lembre-se mais uma vez que esses extravios fazem parte do crescimento. Muitas vezes, você cairá. Coloque-se de pé novamente, pois é assim que se fortalece – caindo e levantando-se outra vez. É assim que você se torna uma pessoa integrada.
… Não seja um imitador; seja sempre original. Não se torna uma cópia. A vida é uma dança se você for original – esse é o seu destino. Não existem dois seres humanos iguais.
… Lembre-se sempre de ser verdadeiro consigo mesmo… ouça sempre sua voz interior, o que você gostaria de ser. Do contrário, toda a sua vida será desperdiçada.

… Existem dois tipos de pessoas no mundo: as que são como cavalos de corrida e as que são como tartarugas. Se uma pessoa pertencente ao primeiro grupo não puder correr e fazer tudo rapidamente, ficará estressada. Ela precisa obedecer ao seu ritmo. Se você é um cavalo de corrida, esqueça a idéia de relaxar e outras coisas do tipo – isso não é para você, é para as tartarugas. Seja um cavalo de corrida, pois essa é a sua natureza, e não pense nos prazeres com que as tartarugas estão se deleitando, eles não são para você.

Seu prazer é outro. Se uma tartaruga começar a agir como um cavalo de corrida, enfrentará o mesmo problema! Aceite a sua natureza. Você é um batalhador, um guerreiro: tem de ser desse jeito e ter prazer em ser assim. Não é preciso ter receio: mergulhe de cabeça nos negócios. Brigue, faça concorrência, realize tudo o que realmente quiser. Não tenha medo das conseqüências, aceite o estresse. Depois de aceitá-lo, ele desaparecerá. Não somente isso: você se sentirá mais feliz porque começou a usá-lo. É um tipo de energia.

Se você é um cavalo de corrida, não ouça as pessoas que dizem para relaxar. O seu relaxamento só será possível depois que você tiver gastado sua energia trabalhando duro. Cada pessoa tem de entender a que tipo pertence”.

Osho, Corpo e mente em equilíbrio.