Sempre foi eu


Sempre foi eu.

Nunca foi o bulling que sofri na adolescência. Só me rejeitaram e me chamaram de “feia”, nunca disseram sobre meu corpo.

Foi eu quem criou uma imagem de um corpo que não é meu.

Estou cansada de brigar comigo por 25 anos pelos menos. Brigando contra minhas próprias estruturas, carregando um fardo interior de rejeição por não ser uma pessoa padrão.

Na verdade nunca soube quem realmente sou. Sou só fragmentos que não me parecem verdades.

Preciso urgente me desfazer de meus desenhos velhos de corpos perfeitos. Desfazer-me dos velhos textos que “sinto saudade daquela inspiração”.

Livrar-me mentalmente do estado de comparação com o passado, com a nostalgia de que antes era bem melhor. Hoje, eu vivo melhor, tenho mais consciência, tenho mais conteúdo e discernimento que não tive.

Ainda há muito o que aprender. Meus contatos espirituais não serão mais aqueles que tive sozinha ou quando estava com amigos. Nunca mais serão os mesmos! Tudo mudou!

Eu não sou mais a mesma já faz alguns anos! Minha mente ainda tenta reverberar com o passado, preciso deixa-lo lá, cobrar-me menos uma perfeição que não existe.

O que adiantaria se eu tivesse um “corpo daqueles”? Cheguei lá mas e aí? Não me satisfez. Preciso preencher esta sensação de falta com estes pensamentos e fatos do passado em relação a mim mesma para coisas novas, edificantes e que acrescentem ao meu corpo e espirito.

Por isso que disse que quero fazer aula de dança, quero ver até onde vou com isso. Quero sentir prazer no meu exercício. Dançar deve ser bem diferente do que um jogo de videogame.

Quero sentir minhas ancas leves e soltas novamente. Ops, fiz de novo alusão ao passado.

Quero sentir-me como uma cobra, sensualizando, sentindo-me presente totalmente do meu corpo e vendo do que realmente sou capaz.

Muita coisa mudou nos últimos quatro anos. Senti que evolui mas uma parte de mim ainda está apegada aquelas velhas historias do meu ser. Quero abandonar tudo isso e começar meus outros 35 anos restantes de uma forma diferente, intensa, vivente e principalmente mais consciente.

Querida consciencia, já não sou mais a mesma, agora evoluí e desejo me desapegar das velhas estruturas. Adeus consciencia velha, já me vejo com um novo olhar. Obrigada por tudo que fui para construir quem eu sou agora.

Obrigada.

Pensamento linear e o não linear




Esta noite tive um sonho no qual tinha ido visitar o pessoal da antiga empresa onde trabalhei. O local estava todo diferente e as pessoas vinham até mim, cumprimentar, dar a mão e falar apenas “oi”.

De repente vejo o pessoal ao meu redor, aglomerado e eu estava explicando sobre a força do pensamento linear e não linear.
Lembro que dizia que quando mantemos os pensamentos numa linha reta, ou seja numa constância, de forma objetiva, conseguimos atingir as coisas com facilidade. Manter o pensamento linear não é o mesmo que uma teimosia ou obsessiva, mas sim ter fé e acreditar, visualizar seu futuro sendo realizado.
Quando o pensamento não é linear, este é disperso, desenfreado e sem propósito  o Universo não consegue entender e com a sincronicidade age sobre eles acabamos receptando coisas sem sentidos para nossa vida.
O Universo, Deus, Energia, Consciência Cósmica quer que você deseje intensamente. Nós somos criadores de nossa realidade, de nossas vidas, e aquilo que desejar de verdade, esta Grande Inteligência, agirá em sincronia com a Grande Rede Universal tudo aquilo que está emitindo será concretizado de alguma forma.
O Universo é uma forma inteligente pois o que você pensa, diz ou faz hoje, em 365 dias após, tudo aquilo será respondido.
Essa foi a explicação que dei em meu sonho. 

Camilla M.
(14/08/13)

Trecho bíblico sobre o pensamento. “Orai e vigiai”.



“A Divina Presença EU SOU que vos circunda como Luz e como uma Eterna Fonte de Energia, cria tudo o que quereis quando a Ela apelais. Refleti bem sobre as palavras de Jesus: “EU SOU a Luz do Mundo”, ou “EU SOU a Ressurreição e a Vida.” 

Livro Caminho de Luz, de Saint Germain

A energia que vibra no Ser, consciencia que Eu Sou


Assim me sinto hoje
Como um choque elétrico
Penetra minha pele e atinge meu ser

Sinto uma energia circundante
Está saindo de meu ser
Exalando pela minha pele
Vibrando pela minha voz

A felicidade habita em mim
Traz-me a leveza
Sou tranquila e liberta
Aberta a vida

Sinto a vida em meu ser
Sinto o Deus que habita em mim
Sinto o Deus que habita no ser
Sinto a Consciencia
Consciencia que Eu Sou

Camilla M. (02/08/13)

Reconhecendo a causa de minhas perdas de personalidade


Recentemente estive num curso de aprofundamento pessoal, que irá trazer-me muitos frutos interiores e assim espero através dele encontrar-me, reconhecer padrões de repetição e libertar-me de coisas que não conhecia ou não queria reconhecer.
Estão, numa das vivencias do curso me fizeram ir até minha infância e enxergar quando foi o motivo de minha “queda”, do momento que deixei de ser livre, deixei de ser eu mesma… então naquela noite e não dormi devido a intensidade disso e apenas escrevi todas as verdades levantadas.
Verifiquei também que estas verdades estão sempre vindo a tona e remexendo comigo, elas não se cansam, o velho padrão dizendo-me o que é certo, rotulando-me como sou e a outra parte, excelsa me dizendo que essa não a realidade, não é o verdadeiro caminho e que a verdade está em minha essência.
Quando era criança, na verdade, sempre fui eu mesma, livre, espontânea e criativa. Num certo momento quando me impuseram as coisas, como a religião por exemplo, rebelei-me a principio, mas acabei aceitando e me calando.
Desejei ser obediente, mas sempre fui muito tranquila e quieta.
Na adolescência, por querer me ingressar a um certo grupo, modifiquei-me, pois me achava diferente deles e, mesmo assim, acabei dando atenção e profundidade a tudo que me diziam.
Acreditei muitas vezes, até então, que não era bonita o suficiente, não era uma pessoa interessante e que talvez não encontraria alguém que se interessaria por mim.
Deixei as pessoas dizerem o que elas achavam e pensavam sobre mim e, acreditei como verdades supremas.
Então na adolescência toda tive uma vida dual, quando estava sozinha estava completamente entregue a quem eu era, criava o meu mundo e, quando estava com os outros, fazia tudo ao contrário, não sendo eu, passando muitas vezes a aceitar coisas que não queria fazer, dizer ou ser.
Deixei de viver meus sonhos, de ter minhas convicções em função dos outros e fazer coisas para evitar conflitos e ser aceita. Estudei química pensando em carreira e dinheiro, mesmo tendo me interessado pelo assunto. Não poderia imaginar que viveria como escrava.
Digo que vivi minha vida em dois períodos de trevas mas a luz sempre me fez superar tudo isso.
Deixei muitas vezes de me amar, de ser quem realmente sou por medo de não ser aceita por quem e o que sou. Crucifiquei-me pelos outros e hoje renego  a minha cruz esta que não quero mais carregar.
Neste últimos quatro, três anos de minha vida, acabei me perdendo novamente, deixando o brilho e a luz que estava resplandecendo dentro de mim ofuscar os olhos das trevas e ela me levar de novo. Fui tola em acreditar em belas palavras, em coisas que disseram achando que estava errada e que a pessoa estava certa. Deixei de ser eu por causa de alguém que me disse coisas bonitas, que me fez enxergar uma outra pessoa que na verdade não era eu. Essa pessoa fez-se ver diante de mim, não era o que ela via de mim e sim um reflexo de si mesma.
Sim, fui sugada, toda a beleza interior minha reverteu-se em um mar seco, uma coisa que não era minha, não era eu. Enquanto acreditei que aquilo era verdade para mim, alimentou-me devido a minha fraqueza. Cai, fui presa, esmagada, seca e doente. Quando me vi estava infeliz e que o rumo que estava tomando em minha vida não era a do meu coração e sim de outros. Busquei ajuda e nestas consegui enxergar a luz, e os seres espirituais vieram me salvar mais uma vez e colocar-me no caminho que propus a fazê-lo. Sinto falta daquela que escrevia, sonhava, tinha uma realidade interior expandida. Esta voltarei a ser, aliás ela vive em mim, só adormeceu e precisa ser acordada.
O que quero dizer é que, muitos destes textos publicados neste blog, com datas de três ou quatro anos atrás, faziam parte de minha essência  de meu conhecimento, de meus sonhos… eu sonhava como uma criança, sonhava numa lucidez tão pura e via a beleza em tudo e em todos. De certa forma até ingênua demais. Sei que amadureci, aprendi muitas coisas mas, tenho certeza que da próxima cilada quero estar muito consciente ao ponto de sair dela.
Espero que não haja uma próxima cilada!
Quero encerrar com uma frase de Carl G. Jung que julgo perfeita para encerrar esta reflexão.


Uma nova Terra resplandescerá


Vejo um tempo ruir
Novas conexões acontecendo
Corações batendo em compasso
Vejo as pessoas se despertando de um sono longo
Como se acordassem no mundo de seus sonhos
Seus corações se elevam
Uma nova jornada surgirá
Vejo o planeta resplandecer
Ao meio de turbulentas transformações
Uma nova consciência virá
Crianças nascerão
E trarão o que for de mais elevado e puro aos humanos que aqui já existem
Vejo a Terra ruir para um novo alvorecer
Os humanos sentem esta conexão porém não entendem o que os transformarão será tão belo
Livre-se da mente
Viva o coração
A Terra está abrindo suas grades de bênçãos
Os humanos se elevarão
Vinde à boa nova
A maldade e o ódio desaparecerão
Todos trarão para suas vidas
O amor verdadeiro no verão
O Sol brilhará a todos
A Terra reerguerá triunfante
Anjos humanos, despertai-vos!!!
Vamos nos unir e trazer a Paz e o Amor incondicional
Paz e Amor incondicional para Terra!
Para nossas vidas e para todos os seres!
Vivam em paz!
Unam-se, amem-se, vivam, sem medo,
Não tenham medo do que está por vir
Tudo será do bom e do melhor!
Estaremos aqui para apoiar,
Amamos muito vcs humanos
Anjos humanos!
Vamos todos nos ascender
Olhem que alegria!
Estamos felizes com vcs! E esse é um grande passo!
Estamos felizes com vcs! Por que amamos vcs!!!
 Graças eu vos dou amados,
Graças eu vos dou amados,
Amem-se sempre! Não se esqueçam do Divino que vcs são!
Amem-se sempre, hoje amanhã e eternamente!
Julguem-se merecedores daquilo que vcs sonham, pois assim vcs merecem!
O amor é abundante, muito abundante,
Coloquem amor em suas criações,
Traga para sua vida amor, sinta amor,
Rosa, azul, vermelho, amarelo,
Todas as cores mas
Sintam o amor!
Ele que prevalecerá!
Graças eu vos dou amados
Todos serão muito felizes!
A Luz brilhará por todos!
Nos vos amamos muito!
Fiquem bem e na paz do Eu.
(sentido por Camilla M. às 13:00hrs do dia 09/02/09)

Contemplem o futuro


Amados (as),

Como bem sabemos a Nossa Terra e Nossa Nova Realidade tem mudado rapidamente. Em breve, estaremos passando por muitas das transformações que nos foram citadas em várias mensagens ao longo deste tempo.
Estamos na reta final, portanto, precisamos estar firmes em nossa fé, nosso amor e no que desejamos para nosso futuro como humanidade.
Nesta nova realidade nossos pensamentos possuem mais força para concretizá-los, sendo eles bons ou ruins, acontecem mais rápido do que imaginam.
Não deixais envolver pelos dramas, os sofrimentos e os medos que tens visto por aí, desejem de alma, que a Nova Realidade seja de mais amor, pureza, verdade, uma sociedade e humanidade mais justa e harmoniosa. Contemplem um futuro para a humanidade, como os sonhos que tínhamos quando criança.
Isso que vos falo é muito importante! Devemos com todo nosso Ser, integrarmos devidamente o Amor de Deus, assumirmos nosso Poder como Deuses-Deusas e nos movermos para que este momento de transição não nos afete com medo e culpa.
Há muito que virá, devemos estar centrados em nosso interior e em nossa verdade, e muito virá. Teremos que orar mais, elevar nossos pensamentos a Deus e desejar uma Nova Terra e uma Nova Realidade.
Amados, vcs sabem que no fundo de seus corações, que desejaram estar aqui neste momento, compartilhando conosco e com os Seres de Luz esta etapa de transição. Desejaram para que fossem pilares de Luz,  estivessem no verdadeiro trabalho a fim de Salvar o Planeta e a Humanidade do caos.
As escolhas estão em nossas mãos, está muito perto do final. Estamos numa jornada e devemos escolher que, esta Terra que habitamos, seja nossa casa amada e harmoniosa.  Transformá-la numa Terra de Paz e União, mas só podemos fazer o tal, a partir do momento que focarmos nisso, desejarmos isso sem duvidar.
Amados, não temam quando dizem que haverá grandes transformações que possam abalar as estruturas da Terra, será um tempo difícil, mas se estivermos centrados em nossa fé, no amor, e acreditarmos que isso será benéfico a todos nada de mal ocorrerá.
Não tenhais medo, elevem seus pensamentos e vejam a Nova Terra que está dentro de seus corações.

Com muito carinho,

Intuído por Camilla M.