Prazer sutil


Um dia te conheci e me surpreendi
Cada pensamento seu me encantava
Sua atenção foi me dedicada
Em tantos momentos e situações
Deliciei-me de sua companhia
Mas jamais de teu beijo

Um dia dispuseste de sua boca sobre a minha
Tocasse com suas mãos
Como fadas, como lírios brancos sobre a pele
Percorrendo meu corpo e meu sexo
Na loucura de um desejo de fato
Consumar nosso anseio

Assim deitaria-me ao seu lado
Nossas línguas se tocariam
E nossas mãos se perderiam
Na alvura de nossos corpos
Quentes, ofegantes e tesos

Nossos corpos nus sobre a cama
Entregues ao deleite
Usaria minhas mãos para excitar
Sutilmente, delicadamente
Passaria sobre suas coxas e
Chegaria ao refugio de prazer

Quero ver tu contorcer
Se doer de prazer
Quero ver tu gritar
Do prazer que chegará
Quero sentir tu
Estremecer o corpo
Sob meus dedos, meus lábios
Quero sentir tu
Na minha boca, seu gosto, seu cheiro

Perder-me neste instante maravilhoso
Terno, quente e gostoso
Perder-me em seu corpo de luz
Do seu cheiro de jasmim
Do brilho que sua pele produz
Quando você a mim seduz
Entregue…

Camilla M. 14/07/13

Publicado por

Camila Moreira

Mulher, ama o conhecimento, o saber e a natureza. Formada em química, massoterapia e seu novo encontro com o Sagrado através da aromaterapia. Uma apaixonada pelas terapias alternativas e complementares e bem como pelas "logias" da vida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s