Já não me importo mais


Já não me importo mais
Se o amor é alto ou baixo
Se seus olhos são azuis, pretos ou roxos
Castanhos, vermelhos ou verdes…
Se a pele é branca, negra, amarela ou vermelha…
Tudo de mim já se foi
O que acreditava não está mais aqui
Mas uma coisa em mim fez acreditar…
Independente da raça, do credo ou da cor,
Sei que haverá um amor
Que será reconhecido
Aonde quer que for…
Já não me importo mais
Com as aparências, com a beleza ou com o normal
Que o belo pão é um pão envelhecido e bolorento por dentro
Já não me importo mais
Que se seja cantor, engenheiro ou agricultor
Se sabe ler ou escrever, se é alguém importante…
Só quero que saibas sorrir
Que possamos passar o tempo juntos
Compatibilidades, que nossas mentes possam combinar
Nos olhos saber que somos reconhecidos mutuamente
Alguém para se sorrir nos momentos de alegria
Até a noite cair e adormecer aos braços do amado
Sentir o frio da madrugada nos tocando
e assim dormir abraçados
Aquecendo a alma um ao outro
Nos dias tristes e nublados saber que se pode sentar ao lado
Compreensivamente, atenciosamente ou silenciosamente
Sem nada a dizer, apenas ouvir, respeitar…
Apaixonadamente se entregar aos prazeres
Sem pudores e sem temores
Aos momentos de luxúria
Aos momentos de carinhos tocantes apenas…
Uma companhia que bastasse por si só
Autêntico, verdadeiro, fixo
Alguém merecedor das lágrimas
Dos ouvidos, dos lábios
E do meu coração…
Assim pudermos olhar o Sol nascer e se pôr
As noites estreladas
Ouvir a chuva caindo, calados…
Inundados de amor
Simplicidade, ora algumas vaidades
Loucuras e momentos de sensatez
Sorrisos e outros de tristeza
Compreensão e respeito
Amizade, amor, defeito
Qualidades, nudez
Cumplicidade
Sim, felicidade!
E que seja eterno enquanto dure… assim diz o poeta.
Camila M.
(26/11/2008)

Publicado por

Camila Moreira

Mulher, ama o conhecimento, o saber e a natureza. Formada em química, massoterapia e seu novo encontro com o Sagrado através da aromaterapia. Uma apaixonada pelas terapias alternativas e complementares e bem como pelas "logias" da vida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s