Desabafo 20


Estava aqui sem o que fazer, em plena férias das aulas da faculdade e em meio a uma grande transformação…

Tem tanto sendo arrancado de mim, parece-me que vivo em outro mundo. Mas para descrever um pouco o que estou sentindo lá no fundo da alma está exatamente nesta imagem postada.

Note que uma parte da floresta está na escuridão, num terreno fértil, mas com uma dose de mistério, um passo a luz, afinal, atrás dela, nota-se um clareira, azul, aberta, esperando as belezas para serem desfrutadas…

Minha alma está assim, um misto de coisas, ora vive atrás destas árvores escuras, escondendo-se da própria luz. Ela busca a luz, porém,  está tomada pela cegueira, por um sentimento de que não há nada mais além disso…

Estou entorpecida, não sei o que sinto, o que desejo, se vou ou se volto, se estou presente no meu corpo ou se estou flutuando por aí… se sou eu mesmo sendo eu, ou sendo uma outra pessoa… uma crise de “nem sei o que estou falando mais”, ou “o que esperar do que virá pela frente”…

Será que devo rir ou chorar? Será que devo sentir raiva ou rabiscar o mundo?

Estou me sentindo como uma música de Pink Floyd – Confortably Numb.

Tradução : Confortavelmente Entorpecido

Olá! Há alguém aí dentro? Apenas acene com a cabeça se você consegue me ouvir Há alguém em casa? Vamos, vamos, agora Ouço dizer que você anda deprimido Posso aliviar sua dor Pôr você em pé de novo Relaxe Precisarei de alguma informação primeiro Apenas os fatos básicos Você poderia me mostrar onde dói?  Não há nenhuma dor, você está recuando Um navio distante soltando fumaça no horizonte Você só está sendo captado em ondas pelo receptor Seus lábios se movem mas não consigo ouvir você Quando era criança, tive uma febre Minhas mãos me pareciam dois balões Agora tenho essa sensação mais uma vez Não consigo explicar, você não entenderia Não é assim que eu sou Me tornei confortavelmente entorpecido OK Apenas uma picadinha de agulha Não haverá mais aaaaaaaah! Mas você poderá se sentir um pouco enjoado Você consegue se levantar? Acredito mesmo que esteja funcionando, bom! Isso o fará agüentar fazer o show Vamos, está na hora de irmos  Não há nenhuma dor, você está recuando Um navio distante soltando fumaça no horizonte Você só está sendo captado em ondas pelo receptor Seus lábios se movem mas não consigo ouvir você Quando era criança, Vi de relance Pelo cantinho do olho Me virei para olhar mas tinha ido embora Não consigo detectá-lo agora A criança cresceu O sonho acabou E eu fiquei confortavelmente entorpecido

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s